Cassilândia, Terça-feira, 25 de Abril de 2017

Últimas Notícias

14/09/2004 14:02

UEMS vai abrir sindicância sobre denúncia de racismo

Marta Ferreira/Campo Grande News

O reitor da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul), Luiz Antônio Alvarez Gonçalves, informou ao Campo Grande News que recebeu hoje o documento em que o Cedine (Conselho Estadual dos Direitos do Negro) e o Fórum de Permanente de Entidades do Movimento Negro pede a abertura de sindicância para apurar um caso de racismo ocorrido dentro da instituição. O documento tem a data do dia 20 de agosto, mas conforme o reitor, só hoje chegou às suas mãos.
O caso de racismo dentro da UEMS é apontado pelas entidades como um exemplo do preconceito conta os que forma beneficiados pela reserva de vagas a negros e índios na instituição. O reitor disse que, embora considere esse um caso isolado, vai atender ao pedido das entidades e abrir a sindicância.
Sobre as outras providências pedidas, que incluem ações de combate ao preconceito, o reitor diz que há essa preocupação na instituição. Segundo ele, a Pró-reitoria de ensino, responsável por colocar o projeto da reserva de vagas em prática, tem um grupo que acompanha a inclusão dos alunos beneficiados.
Segundo Gonçalves, dos 6 mil alunos que a UEMS tem 303 entraram no último vestibular através do sistema de cotas para índios e negros. Isso quer dizer que a reserva de 30% das vagas não foi preenchida, pois das 1,6 mil oferecidas no concurso, 492 era para indígenas e negros. O reitor atribui essa percentual não preenchido principalmente à novidade desse tipo de iniciativa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 25 de Abril de 2017
Segunda, 24 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 23 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)