Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/07/2008 20:11

UEMS implanta seu primeiro curso de mestrado

Isabela Schwengber

A Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul vai ofertar, a partir de 2009, seu primeiro curso de mestrado: será em Agronomia, na área de Produção Vegetal, na unidade de Aquidauana. O curso é voltado a profissionais de Agronomia e Zootecnia, que atuam diretamente no cultivo de culturas, como é o caso das olerícolas, frutíferas, forrageiras e grandes culturas, com milho, soja, arroz, algodão, cana-de-açúcar, entre outras. Serão abertas 15 vagas por ano.



Sua oferta foi recomendada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior do Ministério da Educação (Capes), órgão responsável pela autorização, reconhecimento e avaliação de cursos de pós-graduação stricto sensu. Dentre os critérios avaliados pela Capes, estão a inserção regional do curso, a infra-estrutura administrativa, a área experimental, os laboratórios e a biblioteca.



O coordenador do curso, professor Marcos Antonio Camacho da Silva, explica que para ser autorizado, o mestrado deve ter, também, uma proposta atual e abrangente, e a estrutura curricular deve demonstrar estes quesitos. “O corpo docente é avaliado, sendo necessário todos os professores serem doutores e com experiência em orientação na graduação, comprovando vivência em pesquisa e demonstrando capacidade de sustentação da proposta por meio de publicação e de projetos aprovados em agências de fomento. Quanto às linhas de pesquisas apresentadas na proposta, estas devem ser comprovadas pelos projetos de pesquisas desenvolvidos pelos docentes” diz. O corpo docente conta com 19 doutores, dentre professores da UEMS e pesquisadores da Embrapa Gado de Corte e Embrapa Agropecuária Oeste.



Camacho ressalta que o curso de mestrado vai trazer novas tecnologias voltadas ao incremento da produção agropecuária – o que resultará no aumento do PIB do Estado - e vai qualificar profissionais para a utilização dessas tecnologias, de forma sustentável. “Neste sentido, a UEMS tem buscado articular e elaborar programas com inserções regionais a serem conduzidos de maneira integrada, com perspectivas de formação e capacitação de recursos humanos de alto nível, atendendo às necessidades de pesquisa na área em que se insere”, afirma o coordenador. O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UEMS, professor Sidnei Lima Junior, complementa: “estamos trabalhando para que outros programas de pós-graduação sejam implantados na instituição, pois assim contribuiremos ainda mais não só para a qualificação, mas também para a fixação desses recursos humanos em Mato Grosso do Sul”.



Com este curso, a UEMS inicia suas atividades de pós-graduação em nível de mestrado, passando a fazer parte do Sistema Nacional de Pós-Graduação (SNPG) da Capes. Segundo o reitor, professor Gilberto José de Arruda, a oferta do mestrado atende ao planejamento de verticalização do ensino na universidade, previsto no Plano de Desenvolvimento Institucional da UEMS e que se adequa à proposta de Reforma Universitária. “Com a implantação de cursos de pós-graduação, a produção do conhecimento aumenta e a instituição se insere, definitivamente, no conceito de universidade”, diz.



Mais informações sobre o curso podem ser obtidas na unidade universitária de Aquidauana, fone (67) 3904-2902.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)