Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/12/2010 10:00

UEMS firma parceria com Grupo LDC SEV

Brasiluza Neves , noticias ms

Campo Grande (MS) – No início desta semana a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) oficializou um convênio de parceria com um dos mais importantes grupos brasileiros no setor sucroalcooleiro, a LDC SEV. Somente em MS, a empresa possui três unidades com uma capacidade de moagem que ultrapassa 10 milhões de toneladas de cana por ano.



De acordo com o reitor Gilberto Arruda, a interação das duas instituições é importante para estimular a inclusão dos sul-mato-grossenses no processo de desenvolvimento pelo qual o setor sucroalcooleiro estadual tem passado nos últimos anos. “Nós queremos que as pessoas se sintam incluídas nesse processo de desenvolvimento trazido pela cana, oferecendo a elas capacitação para que aproveitem as oportunidades de trabalho que estão surgindo”, disse Gilberto.



O grande desafio, de acordo com o gerente de Recursos Humanos da LDC SEV, Arnaldo Milan de Souza, é capacitar os profissionais para atuarem nas usinas. \"A riqueza que tem sido gerada precisa ficar com os filhos de MS e, nesse sentido, a UEMS tem um papel fundamental que é o preparar as pessoas para acompanharem esse desenvolvimento\", diz Souza. A LDC SEV conta hoje com mais de três mil funcionários que recebem uma média salarial mensal de R$ 1,6 mil.



O presidente da LDC SEV, Cristophe Malik Akli, visitou a unidade da empresa em Rio Brilhante onde o convênio foi assinado. O executivo se mostrou empolgado com a nova parceria e disse que o confronto, ou a soma, de ideias vindas dos polos empresarial e universitário tem muito a contribuir para o aprimoramento do cultivo regional da cana.



Malik Akli admirou o fato de que muitos de seus funcionários buscam capacitação universitária depois de seus expedientes de trabalho na empresa. “Eu já trabalhei em muitos países nos últimos 20 anos, mas em nenhum tinha visto tamanha sede de saber como vejo aqui”, constatou. O presidente acredita ainda que a parceria contribuirá para o desenvolvimento de mentes mais críticas, capazes de solucionar problemas e contribuir diretamente no desenvolvimento local.



Segundo o especialista em cana-de-açúcar da UEMS, Laércio Carvalho, o convênio vai proporcionar para a Universidade uma grande oportunidade para realização de pesquisas, treinamentos de alunos e funcionários e desenvolvimentos de projetos de extensão. “Será muito bom para nós que vamos ter disponível toda uma estrutura para as pesquisas e muito bom para eles também, que vão poder agregar valor aos seus produtos, tornando-se cada vez mais competitivos no mercado”, diz Laércio.



Laércio lembra que a Universidade desenvolverá as pesquisas de acordo com as demandas apresentadas pela LDC SEV, a fim de que o trabalho acadêmico apresente resultados práticos durante a parceria.



Curso de Produção Sucroalcooleira



A partir da necessidade de formação de mão de obra no setor da produção de cana em Mato Grosso do Sul, a UEMS passou recentemente a oferecer o curso tecnológico de Produção Sucroalcooleira. Foi visualizando a possibilidade de inserção dos acadêmicos no mercado de trabalho que a Divisão de Educação Profissional e Tecnológica (DEPT) da UEMS desenvolveu os contatos que levaram ao convênio com a LDC SEV. “Esse convênio é uma forma de aproximar a Instituição do mercado, possibilitando uma interação dos nossos alunos com as empresas do setor”, afirma a chefe da DEPT, Zélia Nolasco.



Fonte: UEMS


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)