Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/09/2005 14:23

Trigo de MS fica sem mercado

Famasul Notícias

O município de Ponta Porã está concluindo a colheita da sua safra de trigo – a maior do Estado este ano, com a produção em torno de 34.000 toneladas, de acordo com avaliação do IBGE. O resultado poderia ser melhor, caso os agricultores tivessem recursos próprios para investir em mais tecnologia na época do plantio.

A área destinada a triticultura naquele município da fronteira, foi de 20 mil hectares – depois de uma previsão inicial de 12 mil, mas a produtividade média foi baixa – 1.200 quilos/ha, correspondendo a 20 sacas. Isso se deveu, segundo os técnicos, a utilização de sementes não certificadas e pouca adubação, porque a maioria dos produtores estava sem recursos para arriscar nesta cultura de inverno de alto risco.

Em Dourados, a área plantada com o trigo foi de 8.000 hectares em Dourados, com rendimento médio estimado de 1.800 quilos por hectare (30 sacas), devendo garantir uma produção de 14.400 toneladas, correspondendo a 240 mil sacas. Na safra passada, foram cultivados 20 mil hectares de trigo neste município, tendo o rendimento caído de 2.100 para 1.470 quilos por hectare devido ao ataque da doença fúngica brusone.

Mas o acompanhamento da safra foi prejudicado com a greve dos servidores do IBGE que já dura mais de 30 dias. A última reunião das comissões regionais de estatísticas

Agropecuárias(Corea) foi realizada em agosto em Ponta Porã e em Dourados, em julho, estando os levantamentos desatualizados, principalmente neste último município.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)