Cassilândia, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

26/07/2017 09:20

Tribunal nega restringir direitos de produtor endividado

Agrolink

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul proibiu a restrição de direitos pessoais de um agricultor que não pagou pela compra de sementes de soja. As medidas haviam sido pedidas pela Cooperativa Central Gaúcha, que alegou estar há pelo menos seis anos sem receber o dinheiro.

A ação movida pela fornecedora solicitava a aplicação de medidas “indutivas” e “coercitivas” que incluíam bloqueio de cartões de crédito, proibição de participação em concursos públicos, e cassação do passaporte. A dívida, avaliada em R$ 11 mil, foi reconhecida pela Justiça e está em fase de execução.

O Desembargador Paulo Sergio Scarparo, da 16ª Câmara Cível, justificou a decisão referindo que é mais importante “a dignidade da pessoa humana”, de acordo com Constituição Federal: “As medidas postuladas pela parte agravante visam, somente, a cassar direitos pessoais da parte executada, sem lhe atingir diretamente o patrimônio para cumprimento da obrigação, e que não pode ter guarida em sede de execução cível”.

O magistrado considerou as medidas pretendidas pela empresa como “absolutamente desproporcional”. Acompanharam o voto do relator as Desembargadoras Cláudia Maria Hardt e Ana Maria Nedel Scalzilli.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 25 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 24 de Setembro de 2017
18:01
Município suspende aulas
11:00
Mundo fitness
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)