Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

06/04/2015 08:00

Tribunal indonésio rejeita recursos de australianos condenados à morte

Agência Lusa

 

Um tribunal da Indonésia rejeitou hoje (6) os recursos apresentados pelos advogados de dois australianos condenados à morte por tráfico de drogas. Essa era a última possibilidade que tinham para evitar as execuções por fuzilamento. Os recursos dos australianos Andrew Chan e Myuran Sukumaran foram rejeitados depois de o presidente indonésio, Joko Widodo, já ter negado os pedidos de clemência do governo australiano.

Chan e Sukumaran estão no grupo de 11 prisioneiros, incluindo cidadãos da França, Brasil, Filipinas, Nigéria e Gana, sentenciados à pena de morte por tráfico de drogas.

As autoridades indonésias indicaram que estão à espera da resolução de todos os pedidos de recursos legais, antes de executar os condenados no mesmo dia.


Os australianos foram condenados à morte em 2006, acusados de chefiar um grupo de traficantes – conhecidos como Os Nove de Bali –, quando tentavam levar 8 quilos de heroína de Bali para a Austrália, em 2005.

O brasileiro Rodrigo Gularte, que também aguarda a execução no corredor da morte na Indonésia, foi preso em 2004 com 6 quilos de cocaína escondidos em pranchas de surfe, tendo sido condenado em 2005.

Apesar dos pedidos de clemências por parte dos países de origem dos condenados, como a Austrália, o Brasil e a França, Widodo reiterou a firmeza de seu governo contra o tráfico de drogas e rejeitou os pedidos dos condenados.

Em janeiro, a Indonésia executou seis traficantes de drogas, incluindo o brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira, o que causou uma crise diplomática entre a Indonésia e o Brasil.

A Indonésia, que retomou as execuções em 2013 depois de cinco anos de moratória, tem 133 prisioneiros no corredor da morte, dos quais 57 condenados por tráfico de drogas, dois, por terrorismo, e 74, por outros crimes.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)