Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/03/2008 14:35

Três ministros do TSE votam pela cassação de deputado

O deputado federal Walter Brito Neto (PRB-PB) pode ser primeiro parlamentar a perder mandato por infidelidade partidária. O caso está sendo julgado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e, até o momento, três ministros votaram pela cassação do parlamentar.

O julgamento foi interrompido na noite desta quinta-feira (dia 6), depois do pedido de vista formulado pelo ministro Marcelo Ribeiro. Votaram pela perda do mandato de Walter Brito Neto os ministros José Delgado (que é o relator da ação), Caputo Bastos e Ari Pargendler.

Eleito primeiro suplente como candidato do DEM, Walter Brito Neto assumiu o mandato em 1° de novembro do ano passado, após a renúncia de Ronaldo Cunha Lima (PSDB-PB). Como o deputado deixou o DEM em outubro do ano passado – ou seja, após a data limite (27 de março) permitida para mudanças de legenda sem justificativa – o partido pediu de volta o mandato.

Em sua defesa, Walter Neto alega que trocou de legenda por ter se sentido preterido dentro do DEM. Segundo ele, o presidente do partido na Paraíba, senador Efraim Morais, utilizou a estrutura do partido para favorecer a candidatura de Efraim Morais Filho à Câmara, nas eleições de 2006.

Em seu voto, o relator da ação que pede a cassação do parlamentar paraibano por infidelidade partidária, ministro José Delgado, lembra que só há quatro justificativas aceitas para que a mudança de legenda não acarrete em punição e, nenhuma delas, prevê divergências ideológicas.

Conforme a legislação, a troca de partido só é possível quando há incorporação ou fusão do partido; nos casos de criação de nova legenda; mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário; e grave discriminação pessoal.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)