Cassilândia, Domingo, 16 de Junho de 2019

Últimas Notícias

07/03/2008 14:35

Três ministros do TSE votam pela cassação de deputado

O deputado federal Walter Brito Neto (PRB-PB) pode ser primeiro parlamentar a perder mandato por infidelidade partidária. O caso está sendo julgado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e, até o momento, três ministros votaram pela cassação do parlamentar.

O julgamento foi interrompido na noite desta quinta-feira (dia 6), depois do pedido de vista formulado pelo ministro Marcelo Ribeiro. Votaram pela perda do mandato de Walter Brito Neto os ministros José Delgado (que é o relator da ação), Caputo Bastos e Ari Pargendler.

Eleito primeiro suplente como candidato do DEM, Walter Brito Neto assumiu o mandato em 1° de novembro do ano passado, após a renúncia de Ronaldo Cunha Lima (PSDB-PB). Como o deputado deixou o DEM em outubro do ano passado – ou seja, após a data limite (27 de março) permitida para mudanças de legenda sem justificativa – o partido pediu de volta o mandato.

Em sua defesa, Walter Neto alega que trocou de legenda por ter se sentido preterido dentro do DEM. Segundo ele, o presidente do partido na Paraíba, senador Efraim Morais, utilizou a estrutura do partido para favorecer a candidatura de Efraim Morais Filho à Câmara, nas eleições de 2006.

Em seu voto, o relator da ação que pede a cassação do parlamentar paraibano por infidelidade partidária, ministro José Delgado, lembra que só há quatro justificativas aceitas para que a mudança de legenda não acarrete em punição e, nenhuma delas, prevê divergências ideológicas.

Conforme a legislação, a troca de partido só é possível quando há incorporação ou fusão do partido; nos casos de criação de nova legenda; mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário; e grave discriminação pessoal.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 16 de Junho de 2019
13:00
Copa América
09:00
Santo do Dia
Sábado, 15 de Junho de 2019
06:07
Cassilândia
00:30
Copa do Mundo de Futebol Feminino
Sexta, 14 de Junho de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)