Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/01/2008 14:46

TRE/MS contabilizou 91 pedidos de devolução de mandatos

Humberto Marques - Campo Grande News

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul contabilizou o recebimento de 91 ações referentes a pedidos de perda de mandato de políticos que trocaram de partido após as últimas eleições. O prazo para a apresentação de pedidos por parte de partidos foi encerrado em 29 de novembro, e em 7 de janeiro expirou o prazo para que o Ministério Público Eleitoral e interessados nos cargos formalizassem as reivindicações.

Conforme a assessoria do TRE/MS, das 91 ações, dez foram julgadas sem apreciação de mérito, por conta da falta de legitimidade dos autores. Outras 35 foram protocoladas por partidos e 56 por pessoas físicas. O PT foi o partido que mais solicitou a retomada de mandatos: foram 14 processos encaminhados ao tribunal; seguido do PPS (seis), PTB (cinco), PMN (quatro) e PSB (duas). DEM, PMDB, PDT e PRTB reivindicaram a devolução de um mandato cada.

Os deputados estaduais Ari Artuzi (que trocou o PMDB pelo PDT), Coronel Ivan (que deixou o PSB) e Márcio Fernandes (que saiu do PRTB e migrou para o PSDB) foram alvos de representação de seus partidos. Todos os demais pedidos são voltados para vereadores. As requisições de mandato obedecem a resolução 22.610 do Tribunal Superior Eleitoral, que prevê a manutenção do cargo apenas se o político deixou o partido por justa causa (incorporação ou fusão da legenda, criação de nova agremiação partidária, mudança do programa partidário ou discriminação pessoal).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)