Cassilândia, Sexta-feira, 14 de Agosto de 2020

Últimas Notícias

16/06/2020 12:10

Traficantes colocam maconha em caixão de mortos por coronavírus

Policiais desconfiaram de urnas lacradas para 'evitar contágio por covid-19', e descobriram carga de droga que saiu da fronteira de MS

Marcos Morandi, Midiamax

Traficantes colocaram maconha em caixões de mortos por coronavírus para enganar a fiscalização. O veículo passou por Mato Grosso do Sul mas foi apreendido em Goiás , ontem (15) na BR-060.

Cerca de 300 quilos de maconha estavam em dois caixões funerários, que seriam de supostas vítimas de coronavírus. Os caixões teriam saído da cidade de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, na fronteira de MS com o Paraguai.

Segundo os policiais, eles faziam fiscalização na rodovia quando pararam o carro da funerária de uma cidade goiana. O motorista, de 22 anos, disse que estava transportando dois corpos de vítimas de covid-19 que tinham morrido em Ponta Porã.

Maconha em caixões

Os caixões estavam lacrados com plástico. De acordo com o traficante, para evitar o contágio por coronavírus, eles não poderiam ser abertos. Questionado sobre documentação que comprovasse a situação, ele se enrolou.

Assim, sem os papeis, e muito nervoso, o agente funerário acabou permitindo que os policiais abrissem e flagrassem a maconha em caixões. Nas urnas, acharam centenas de tabletes da droga que pesaram ao todo 284 quilos e 200 gramas de maconha.

Segundo o condutor, a carga seguia para Goiânia e teria partido de Ponta Porã. O motorista foi levado juntamente com a droga e autuado em flagrante por tráfico de entorpecente.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 14 de Agosto de 2020
Quinta, 13 de Agosto de 2020
10:00
Receita do Dia
Quarta, 12 de Agosto de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)