Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/02/2007 17:14

TJMS não suspende cobrança da Cosip em Campo Grande

TJ/MS

Por unanimidade, os membros do Tribunal Pleno indeferiram pedido de liminar na Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) nº 2007.001004-0 proposto pela procuradora-geral de Justiça com objetivo de excluir do ordenamento jurídico local os artigos 4º (caput), 5º, 6º e 9º e o anexo única da lei complementar nº 58, de 30 de setembro de 2003, da Capital, que determina os critérios de cobrança da contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública – Cosip.

A procuradora justifica sua alegação apontando que a base de cálculo da referida contribuição é idêntica a do ICMS, o que representa bitributação, conduta vedada pela Carta Magna . Alega também que a referida lei municipal afronta o princípio da isonomia , pois a norma local estabelece discriminação entre consumidores ao isentar da Cosip aqueles que tiverem consumo mensal inferior a 100 kw.

O Des. Oswaldo Rodrigues de Melo, relator dos autos, indeferiu o pedido de medida cautelar por entender que não está presente um dos requisitos para a concessão da medida urgente: periculum in mora (perigo da demora). Ele fundamentou seu voto com aementa de processo semelhante, quando foi indeferido pedido de suspensão da Cosip no município de Eldorado e concluiu:

"É de ser indeferido o pedido de liminar em ação direta de inconstitucionalidade de lei que instituiu a cobrança da Contribuição para o Custeio do Serviço de Iluminação Pública/COSIP, que há muito vem irradiando os seus efeitos perante os moradores do município, quando a pretendida supressão da cobrança poderá causar graves danos ao orçamento municipal, atingindo interesse maior do que aquele que se pretende ressalvar com a concessão da medida, de modo que a existência do periculum in mora inverso se sobrepõe aos pressupostos. É assim que voto".
Autoria do Texto:Secretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)