Cassilândia, Domingo, 28 de Maio de 2017

Últimas Notícias

08/11/2007 06:56

TJ cria vagas para o banco de cargos e empregos públicos

TJMS

Os desembargadores do Tribunal Pleno aprovaram, na sessão desta quarta-feira (07), um projeto de lei que cria cargos de escrevente judicial e de agente de apoio operacional na estrutura funcional do Poder Judiciário.

Pelo projeto, ficam criados 65 cargos de escreventes judicial, de nível superior e provimento efetivo, para atender as comarcas e 25 cargos de agente de apoio operacional, de nível médio e provimento efetivo, para atender em primeira e segunda instâncias.

Importante ressaltar que os cargos criados serão armazenados no Banco de Cargos e Empregos Públicos (Bacep) e que estes serão transferidos para a estrutura funcional, quando necessário. A medida foi adotada porque a prudência recomenda que se tenha disponível número suficiente de cargos para a nomeação imediata, em face das situações previsíveis e imprevisíveis que poderão ocorrer.

Na proposição do projeto, o presidente do Tribunal de Justiça explicou que a quantidade de cargos de escrevente judicial foi sendo gradativamente reduzida, com a designação do escrevente para o exercício das funções de analista judiciário, o que tornou necessária a nomeação de um outro escrevente para suprir sua falta no cartório.

Por outro lado, a criação da função gratificada de agente técnico de informática para atender às comarcas, obrigará a administração a nomear, no mínimo, 22 escreventes judiciais, como reposição desses servidores de confiança que se dedicarão às comarcas exclusivamente na área da informatização.

No referente aos cargos de agente de apoio operacional, é preciso esclarecer que estes atenderão a demanda de serviço onde atuavam, já que a Lei 3.309/06, que instituiu o Plano de Cargos e Carreira dos Servidores do Poder Judiciário, em seu art. 10, criou a função de confiança de agente de gabinete para atender no gabinete dos desembargadores, será provida por servidor efetivo e estável ocupante do cargo de agente de apoio operacional.

O projeto segue agora para a Assembléia Legislativa.

Autoria do Texto:Secretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 28 de Maio de 2017
Sábado, 27 de Maio de 2017
10:00
Receita do Dia
Sexta, 26 de Maio de 2017
10:01
Cassilândia
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)