Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/03/2005 10:51

Terremoto de 5,5 graus atinge o norte do Mato Grosso

Diário de Cuiabá


A terra tremeu ontem à tarde em quatro municípios da região norte do Mato Grosso. Por volta das 17h15, moradores de Tabaporã, Porto dos Gaúchos, Novo Horizonte do Norte e Juara sentiram o chão vibrar e ouviram um barulho ensurdecedor. O abalo se estendeu pela região conhecida como Vale do Arinos, percorrendo um raio de até 110 quilômetros entre uma cidade e outra.

O fenômeno, freqüente na região, dessa vez foi mais forte do que o habitual. Apesar de acostumado aos pequenos tremores, ontem o prefeito de Tabaporã, Rogério Riva, resolveu comunicar o fato aos pesquisadores do Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (SIS/UnB), que acompanham a ocorrência de terremotos no Brasil e a intensidade de cada um.

De acordo com o prefeito, os tremores atingiram 5,5 pontos na Escala Richter. A informação foi passada a ele pelos pesquisadores que, de Brasília, acessam dados dos sismógrafos instalados no Vale do Arinos. Nos próximos dias, os pesquisadores irão até a região para se reunir com os membros dos conselhos de engenharia das quatro cidades. "Vamos conversar com todos os engenheiros para mudar a sistemática de construção na região", disse.

O último abalo mais intenso nestes municípios havia sido registrado em 1998, com 5,2 pontos na escala. Desde então, houve centenas de pequenos abalos. A maioria nem chega a ser percebida pela população. Ontem, não houve registro de acidentes, queda de muros ou de pessoas feridas. "No prédio da prefeitura, que é o mais antigo, tinha uma pequena rachadura, que se alargou. Acho que não é coisa para se preocupar", tranqüilizou o prefeito.

A 103 quilômetros dali, a secretária de Saúde de Porto dos Gaúchos, Joelma Trevisan, sentiu o abalo durante uma reunião no hospital da cidade. "Fez um barulho de trovão, achei que pudesse ser chuva. Percebi que não era porque o chão, as pernas tremiam. Uma senhora idosa que estava internada ficou nervosa e saiu para o corredor porque a cama dela chacoalhou", contou. A região possui uma falha geológica ativa. Os sismos, como são chamados, são causados pela acomodação das camadas que formam o planeta, as placas tectônicas. Há 50 anos, Porto dos Gaúchos foi o cenário do maior terremoto ocorrido no país, com intensidade de 6,6 pontos.

No fim do ano passado, foi registrado um tremor de 3 pontos em Barão de Melgaço, a 120 quilômetros de Cuiabá. Um abalo de magnitude 3 é considerado fraco mas pode causar pequenas rachaduras nas construções. Além de alguns municípios de Mato Grosso, já foram registrados sismos de maior intensidade no Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco e Minas Gerais.




Diário de Cuiabá

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)