Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

12/04/2004 14:48

Técnicos da Receita decidem hoje se aceitam proposta

Daniel Lima/ABr

Os técnicos da Receita Federal decidem hoje, em assembléia nos estados, se aceitam a contraproposta do governo, que prevê um reajuste linear de 10% para toda a categoria e mais 45%, sob a forma de gratificação de desempenho em três níveis - nacional (15%), regional (15%) e individual (15%).

A gratificação seria um incentivo à arrecadação, que só em janeiro e fevereiro ficou R$ 1,6 bilhão acima do previsto pelo governo, segundo o ministro do Planejamento, Guido Mantega.

Os inativos, por sua vez, teriam, além dos 10%, mais 3%, um dos motivos do impasse nas negociações.

Os técnicos da Receita, que cruzaram os braços a zero hora do dia 1º de abril, voltaram atrás no mesmo dia e suspenderam a greve depois que o governo abriu as negociações com a categoria. Na ocasião, foi aberto um prazo de 10 dias para as discussões das propostas.

Os técnicos da Receita Federal também querem equiparação salarial com os agentes da Polícia Federal (salário em início de carreira de R$ 4 mil) e melhores condições de trabalho.

O secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, e o secretário-executivo adjunto do Ministério da Fazenda, Arno Agustín, depois de reunião com os técnicos, apresentaram uma proposta que prevê elevar o salário inicial da categoria de R$ 2.400,00 para R$ 3.935,00.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)