Cassilândia, Segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

11/12/2015 06:35

TCE/MS fecha creche que tinha custo mensal de R$ 4 mil por criança

Flávio Paes, Campo Grande News

Uma resolução baixada na últma quarta-feira, dia 9,determinou a extinção do Centro de Educação Infantil do Tribunal de Contas do Estado, que atendia 60 crianças, filhos de funcionários do TCE. Segundo o presidente do TCE/MS, conselheiro Waldir Neves, cada aluno da creche custava aos cofres públicos R$ 9 mil, um valor por “ele considerado absurdo”, já que numa escola privada similar, a mensalidade fica em torno de R$ 900,00.

O Tribunal vinha tendo uma despesa mensal em torno de R$ 170 mil / mês, e R$ 2,8 milhões por ano, entre salários, encargos sociais, manutenção, convênios, investimentos e outras despesas. Como compensação, os servidores serão contemplados com um auxílio-creche de R$ 700,00, que é o dobro do valor pago pelo Tribunal de Justiça.

Segundo o presidente do TCE-MS, foram realizadas pesquisas junto a outros órgãos que tinham creche, e que também acabaram chegando a conclusão que pelos problemas, responsabilidades, e preocupações acabaram fechando.

Neves explicou que a questão também é funcional. “Não pode ser também um privilégio para uma minoria em detrimento de outros que também aguardavam na fila de espera, porque a creche aqui só comporta 60 alunos, e tinha mais de 20 esperando por uma vaga, é justo isso?”, indaga.

O presidente explicou ainda que “a decisão foi tomada agora para dar tempo aos pais de recolocarem seus filhos até o começo do ano em outras creches e escolas mais perto de suas casas, ou num lugar mais estratégico, e para que os professores que eram contratados aqui possam ter tempo de ser relocados em outras instituições de ensino”. Outra justificativa apresentada pelo presidente é a de que “com a convocação de novos auditores, há necessidade de maior espaço físico para realizar a atividade fim, que é o controle externo”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 20 de Fevereiro de 2017
Domingo, 19 de Fevereiro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 18 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)