Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/02/2004 18:34

Tabagismo: OMS quer exemplo dos profissionais de saúde

Agência Brasil

A Organização Mundial da Saúde (OMS) está lançando um código de conduta para que os profissionais de saúde - como médicos, farmacêuticos e dentistas - parem de fumar e estimulem, dessa forma, outras pessoas a largar o vício do tabaco. Na última semana, congresso na sede do organismo internacional, em Genebra (Suiça), reuniu pessoas de praticamente todos os países do mundo.

"Os profissionais de saúde, mudando o comportamento, têm a oportunidade de ajudar milhares de pessoas. O envolvimento deles é chave para o controle da epidemia do tabaco", disse Vera Luiza da Costa e Silva, diretora da Iniciativa "Sem Tabaco", da OMS. Explicou que se os dentistas alertassem sobre os males do cigarro, como o excesso de placas bacterianas, o amarelamento dos dentes, assim como o aumento das chances de se contrair câncer de boca, o impacto sobre os fumantes seria dramático.

De acordo com levantamento da OMS, está comprovado que a influência dos profissionais de saúde é um dos principais métodos capazes de fazer com que os fumantes abandonem o vício. O curioso é que a incidência de fumantes entre os profissionais de saúde, algumas vezes, é maior, proporcionalmente, do que entre a população. Um exemplo é a Albânia, onde 44% dos estudantes de medicina fumam, contra 39% da população. Na Arábia Saudita, 20% dos médicos fumam, enquanto 13% da população têm o hábito de acender cigarros.

Outra medida considerada importante para o combate ao vício é a assinatura pelos países da Convenção do Controle do Tabaco, da OMS, e o efetivo apoio a suas sugestões.

Um das responsáveis pela iniciativa da OMS, Catherine Le Galés-Camus, disse que 1,1 bilhão de pessoas em todo o mundo fumam, 5 milhões morrem em decorrência do cigarro e, por isso, campanhas contra o tabaco têm de ser prioridade na agenda de saúde.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)