Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/02/2007 09:40

Suspenso trâmite de ação por improbidade contra deputado

STF

Liminar deferida em parte pelo ministro Sepúlveda Pertence, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu o curso da ação civil pública de improbidade administrativa, que tramita no Juízo Federal da 17ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal, contra o deputado federal Raul Jungmann. A decisão foi tomada na Reclamação (RCL) 4895, ajuizada por Jungmann no STF.

O deputado foi indiciado por supostos fatos ocorridos quando ocupava o cargo de Ministro de Estado do Desenvolvimento Agrário. Para a defesa, a análise do caso pela Justiça Federal usurpa a competência do STF para processar e julgar o parlamentar.

De acordo com o relator da Reclamação, “o que está em jogo é a dimensão do conceito agente político, a fim de, especificamente, estabelecer o foro adequado” para o julgamento. O ministro Sepúlveda Pertence informa que o STF já iniciou a discussão sobre o tema na RCL 2138 e que “o curso da ação de improbidade pode gerar eventual contradição com a tese que pode ser vencedora no Tribunal”. Assim, deferiu a liminar para suspender o trâmite da ação civil pública.

Quanto à competência do STF para julgar o caso, o ministro entendeu não ser o caso de trazer de imediato o processo para a Corte. “A pendência da orientação firme do Supremo Tribunal impede avocar a ação civil pública”, concluiu.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)