Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/03/2008 18:16

Suspensa aplicação de multa a candidato que morreu

TSE

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Caputo Bastos (foto) declarou, em decisão monocrática, a nulidade de acórdão proferido em agosto de 2007 pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) que manteve multa de 10 mil UFIRr (cerca de R$ 10.600) por propaganda eleitoral fora de época ao Diretório Regional do Partido Progressista (PP) e o então candidato a deputado federal Nélio Silveira Dias.

O ministro determinou a suspensão do processo em razão da morte de Nélio Silveira Dias, em julho de 2007, até que o espólio faça parte da relação processual. O ministro Caputo Bastos alegou que, de acordo com o artigo 43 do Código de Processo Civil, “ocorrendo a morte de qualquer das partes, dar-se-á a substituição pelo seu espólio ou pelos seus sucessores, observado o disposto no art. 265”. Esse dispositivo dispõe que o processo fica suspenso “pela morte ou perda da capacidade processual de qualquer das partes, de seu representante legal ou de seu procurador”.

De acordo com o ministro, no caso a multa tem caráter patrimonial e que o prosseguimento da ação, com o chamamento do espólio, não configura ofensa ao artigo 5º, XLV, da Constituição Federal, porque esse dispositivo ressalva que “eventual imposição da multa ficará restrita ao limite do valor do patrimônio transferido”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)