Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/11/2005 17:48

Suspeita de mais um caso de febre maculosa

Vitor Abadala/ABr

A secretaria municipal de Saúde do Rio recebeu hoje (4) a informação de uma nova vítima que pode ter contraído febre maculosa, transmitida pelo carrapato, no estado. A mulher, de 38 anos, que não teve seu nome identificado, está internada desde o dia 30 de outubro, na Clínica São Vicente, zona sul do Rio.

A mulher também esteve hospedada na Pousada Capim Limão, em Petrópolis, Região Serrana do estado, onde outras quatro vítimas suspeitas de terem contraído a febre maculosa também estiveram.

Segundo a assessoria de imprensa da Clínica, amostras de sangue da paciente foram coletadas e enviadas para a Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) na última segunda-feira. A divulgação do resultado dos testes, que poderão confirmar ou não a contaminação pela febre maculosa, está prevista para o início da próxima semana.

Dos cinco casos de suspeita da doença do carrapato, dois foram confirmados até agora: o do superintendente da Vigilância Sanitária Fernando Villas-Boas Filho, que morreu no início desta semana, e o de uma moradora da Bahia, que ficou curada após se submeter a tratamento.

O laudo com os exames feitos no jornalista Roberto Moura, que morreu na semana passada, deve ficar pronto nos próximos dias. A quinta vítima, um professor aposentado de 62 anos que continua internado no Rio, fará exames para detectar a presença da doença no início da próxima semana.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)