Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/04/2016 12:30

Surto de febre amarela em Angola é ‘ameaça ao mundo’, diz OMS

EPharma Notícias

O surto de febre amarela que já matou 238 pessoas em Angola, na África, pode ser uma “ameaça ao mundo inteiro”, afirmou um alerta divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O risco maior recai sobre países — entre eles o Brasil — onde há proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. De acordo com o comunicado, áreas onde já houve surtos de dengue, zika ou chicungunha se mostram terrenos férteis para a febre amarela.

Segundo a organização, 16 das 18 províncias do país africano já foram afetadas pela escalada da doença, que começou na capital, Luanda, em dezembro de 2015. A doença se espalhou de forma rápida: no início de fevereiro, havia "apenas" 164 suspeitos de portar o vírus e 37 mortes. Hoje, são milhares de infectados, e as mortes já somam centenas. Por conta disso, , diz o relatório da OMS, “a evolução da situação em Angola é preocupante e deve ser monitorada”.

Países como China, Quênia e a República Democrática do Congo já registraram casos da doença exportados de Angola. A organização teme uma disseminação muito maior, já que existe uma grande comunidade internacional no país africano. Viagens de moradores locais a territórios vizinhos e também a outros continentes são constantes.

A entidade ressaltou que há “uma urgente necessidade de fortalecer a qualidade da resposta em Angola”, assim como aumentar o controle de imunização dos viajantes que sejam oriundos de regiões afetadas pelo vírus da febre amarela. Não houve, até o momento, qualquer restrição de viagem entre Angola e outros países. Desde o segundo semestre de 2015, foi registrada circulação do vírus da febre amarela em Mali e em Gana, também na África.

A OMS declarou estado de emergência e monitora a situação em Angola ao lado da Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância), do Centro para Controle e Prevenção de Doenças e dos Médicos Sem Fronteiras.

A febre amarela é uma doença hemorrágica viral aguda transmitida por mosquitos infectados. De acordo com a OMS, até 50% das pessoas gravemente afetadas sem tratamento morrem da doença. Há cerca de 130 mil casos de febre amarela notificados anualmente, causando 44 mil mortes no mundo a cada ano, sendo que 90% delas ocorrem na África.

Os principais sintomas são febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça, dor muscular, náuseas e vômitos por cerca de três dias. A forma mais grave da doença é rara e costuma aparecer após um período de bem-estar de até dois dias, quando podem ocorrer insuficiências hepática e renal, icterícia (olhos e pele amarelados), manifestações hemorrágicas e cansaço intenso.

Não há tratamento específico para a febre amarela, mas há vacina. No Brasil, ela pode ser tomada em postos de saúde municipais ou estaduais e tem validade de 10 anos. O Ministério da Saúde recomenda que quem for viajar para algum país onde o vírus circula se vacine com, no minimo, 15 dias de antecedência.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)