Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Maio de 2018

Últimas Notícias

23/08/2005 09:16

Supremo arquiva ação contra jornalista da revista Veja

A defesa da liberdade de imprensa como um dos pilares da democracia e a constatação de que o direito de crítica se apóia no pluralismo político. Com ênfase nesses fundamentos, o Ministro Celso de Mello arquivou notícia-crime –autuada como Petição (PET) 3486 no Supremo – ajuizada pelo advogado Celso Marques de Araújo contra o presidente do Conselho Administrativo da revista Veja, Roberto Civita, e os jornalistas Marcelo Carneiro e Diogo Mainardi.

O advogado pedia, na ação, abertura de processo penal contra os profissionais, devido ao conteúdo de artigos publicados na edição do dia 3 de agosto. Ele sustentava que os jornalistas deveriam responder por crime de subversão contra a segurança nacional, por colocarem em perigo o regime representativo e democrático brasileiro.

Na decisão, o Ministro Celso de Mello mostrou que o Supremo não seria o foro competente para o julgamento da ação. Mesmo assim, advertiu que “a Constituição da República revelou hostilidade extrema a quaisquer práticas estatais tendentes a restringir ou reprimir o legítimo exercício da liberdade de expressão e de comunicação de idéias e de pensamento”. Para o Ministro, a crítica jornalística, por mais dura que seja, é um direito constitucional e legítimo, sobrepondo-se a eventuais suscetibilidades dos detentores do poder.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)