Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/04/2005 07:17

Sub-17: Como foi a derrota do Brasil para o Paraguai

CBF News

O Brasil perdeu a invencibilidade no Campeonato Sul-Americano Sub-17 da Venezuela, ao ser derrotado pelo Paraguai por 3 a 2 , em Maracaibo, mas se classificou em primeiro lugar no Grupo A, com nove pontos ganhos, superando o Equador no saldo de gols. Os equatorianos, que na preliminar golearam a Venezuela por 5 a 1, ficaram com a outra vaga do grupo, com os mesmos nove pontos e o mesmo saldo de gols do Paraguai, mas superando-o no confronto direto.

Ânderson e Ramon marcaram os gols do Brasil, que na quarta-feira enfrenta o segundo colocado do Grupo B, cujo adversário sairá na rodada deste domingo, que terá Uruguai x Chile e Argentina x Peru - Chile, Colômbia, Argentina e Uruguai brigam por duas vagas.

A Seleção Brasileira entrou em campo já classificada para a fase final do Sul-Americano. Os paraguaios, ao contrário, precisavam vencer por uma diferença de dois gols ou de um, desde que pelo placar de 4 a 3 em diante, para ficar com a segunda vaga no grupo.

Precisando dessa forma do resultado, ainda assim a Seleção Paraguaia se armou fechada na defesa e marcando forte, na tentativa de anular o melhor futebol do Brasil. A busca do gol acontecia em jogadas de contra-ataque.

Apesar das dificuldades criadas pelo eficiente esquema defensivo usado pelo adversário, o Brasil criou boas oportunidades para marcar - em uma delas, Ânderson chegou a acertar o travessão.

Mas foi o Paraguai quem chegou ao primeiro gol. Aos 23 minutos, Segovia levou a melhor sobre a zaga do Brasil e chutou forte para fazer 1 a 0.
O time paraguaio se animou, esteve perto de fazer o segundo, mas logo a Seleção Brasileira se reencontrou para ameaçar com mais objetividade.

Dessa forma, em uma jogada que contou com a participação do zagueiro Sidnei e do lateral Leyrielton no ataque, a Seleção Brasileira chegou ao empate. No rebote da zaga, Ânderson chutou com precisão.

O Brasil passou a dominar a partida, a criar seguidas chances e a mostrar toda a habilidade que caracteriza o jogador brasileiro. Em um lance, Kerlon levantou a bola, controlando-a com a cabeça, como um recurso para envolver o zagueiro. Em seguida, Igor se livrou de um zagueiro com um bonito drible e quase marcou. Ânderson também teve uma oportunidade, mas chegou atrasado para completar o cruzamento de Marcelo.

O Paraguai voltou do intervalo parecendo disposto a abandonar a sua postura defensiva. Fez pressão no início, esteve perto de chegar ao gol, mas a Seleção Brasileira fez 2 a 1 com Ramon. A jogada foi igualmente muito bonita, iniciada por Kerlon até Ânderson, que devolveu para Kerlon passar com perfeição para a cabeçada de Ramon.

O Brasil teve a chance de fazer o terceiro, mas Igor, na frente do goleiro, chutou mal. O mesmo Igor acabou sendo expulso, permitindo ao Paraguai reagir em busca do empate, que obteve em cobrança de falta bem executada por Montiel.

O lateral-direito Leyrielton também foi expulso e aí o Paraguai, com dois jogadores a mais em campo, partiu com tudo em busca da vitória. No último minuto da partida, teve um jogador expulso, mas nos acréscimos, em outra cobrança de falta de Montiel, chegou aos 3 a 2. Resultado que, no entanto, foi insuficiente para se classificar à fase final do Sul-Americano.

A Seleção Brasileira jogou com Felipe (Santos), Leyrielton (Goiás), Sidnei (Internacional), Samuel (Atlético Mineiro) e Marcelo (Fluminense); Roberto (Guarani), depois Maurício (Corinthians), Tássio (Vitória), Ramon (Atlético Mineiro), depois Renato (Flamengo) e Kerlon (Cruzeiro); Ânderson (Grêmio) e Igor (Corinthians).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)