Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

28/09/2011 18:24

STJ solta prefeito de Alcinópolis acusado de mandar matar vereador

Marta Ferreira, Campo Grande News

O ministro do STJ (Superior Tribunal de Justiça) Adilson Vieira Macabu concedeu hoje liminar que coloca em liberdade o prefeito afastado de Alcinópolis, Manuel Nunes da Silva (PR).

Ele é acusado de ser o mandante do assassinato do vereador Carlos Carneiro, morto em Campo Grande, no dia 26 de outubro do ano passado, aos 40 anos. Carneiro era do PDT, oposição ao prefeito, e era presidente da Câmara de Vereadores.

Três homens foram presos logo após o crime, e aguardam julgamento. O prefeito foi preso em 20 de julho deste ano, junto com três vereadores, sob acusação de ter planejado a morte do vereador e encomendado o crime. O assassinato teria custado R$ 20 mil, conforme as investigações policiais.

Manuel Nunes da Silva está na 3ª Delegacia de Polícia Civil, no bairro Carandá, em Campo Grande. A delegacia já foi informada da concessão da liminar, mas o alvará de soltura ainda não chegou.

O processo no STJ informa que um telegrama foi enviado ao Tribunal de Justiça nesta tarde comunicando a decisão.

A liminar concedida hoje reconsidera uma decisão anterior, que havia negado ao prefeito a liberdade. Com a prisão dele, o cargo foi assumido pelo vice, o pai do vereador assassinado, Alcino Carneiro (PDT).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)