Cassilândia, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/05/2015 06:32

STF restabelece pensão vitalícia de ex-governador

Correio do Estado

O Supremo Tribunal Federal (STF) restabeleceu a pensão vitalícia ao ex-governador Pedro Pedrossian, paga pelo Estado do Mato Grosso. A decisão, do ministro Dias Toffoli, suspende em caráter liminar o andamento de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual (MPE) mato-grossense, que tinha culminado na anulação do benefício. Junto com ele, outros 17 ex-chefes do Executivo daquele Estado foram favorecidos.

Toffoli acolheu reclamação impetrada pela defesa de Pedrossian, conduzida por Ernesto Borges. O advogado alegou que o Tribunal de Justiça mato-grossense extrapolou atribuições ao analisar a concessão das aposentadorias, conferida exclusivamente ao Supremo.

“Apresentei uma reclamação constitucional dizendo que aquele Tribunal está julgando algo de atribuição exclusiva de guardião da Constituição. Desta forma, o julgamento da ação está suspenso, e enquanto estiver parado, o pagamento será feito a Pedrossian e ao demais ex-governadores benefeciados”, explica.

Borges esclarece que, apesar de existir entendimento do Supremo quanto a ilegalidade do pagamento de pensão a ex-governadores, a discussão não se estende à Pedrossian porque o provento foi concedido à ele antes da promulgação da Constituição de 1988. “Todo benefício concedido antes deste período é constitucional”, analisa.

Governador antes da divisão do Estado, Pedrossian recebia mensalmente pensões de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. No entanto, a remuneração proveniente do segundo (R$ 26,5 mil) foi cortada, explica Borges, por ter sido concedida após a constituição de 88.

A do estado uno (em torno de R$ 16,8 mil) fora cortada e, agora com a decisão de Dias Toffoli, retomada.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)