Cassilândia, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

14/05/2015 06:32

STF restabelece pensão vitalícia de ex-governador

Correio do Estado

O Supremo Tribunal Federal (STF) restabeleceu a pensão vitalícia ao ex-governador Pedro Pedrossian, paga pelo Estado do Mato Grosso. A decisão, do ministro Dias Toffoli, suspende em caráter liminar o andamento de uma ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual (MPE) mato-grossense, que tinha culminado na anulação do benefício. Junto com ele, outros 17 ex-chefes do Executivo daquele Estado foram favorecidos.

Toffoli acolheu reclamação impetrada pela defesa de Pedrossian, conduzida por Ernesto Borges. O advogado alegou que o Tribunal de Justiça mato-grossense extrapolou atribuições ao analisar a concessão das aposentadorias, conferida exclusivamente ao Supremo.

“Apresentei uma reclamação constitucional dizendo que aquele Tribunal está julgando algo de atribuição exclusiva de guardião da Constituição. Desta forma, o julgamento da ação está suspenso, e enquanto estiver parado, o pagamento será feito a Pedrossian e ao demais ex-governadores benefeciados”, explica.

Borges esclarece que, apesar de existir entendimento do Supremo quanto a ilegalidade do pagamento de pensão a ex-governadores, a discussão não se estende à Pedrossian porque o provento foi concedido à ele antes da promulgação da Constituição de 1988. “Todo benefício concedido antes deste período é constitucional”, analisa.

Governador antes da divisão do Estado, Pedrossian recebia mensalmente pensões de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. No entanto, a remuneração proveniente do segundo (R$ 26,5 mil) foi cortada, explica Borges, por ter sido concedida após a constituição de 88.

A do estado uno (em torno de R$ 16,8 mil) fora cortada e, agora com a decisão de Dias Toffoli, retomada.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Quinta, 21 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
06:20
Libertadores da América
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)