Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/02/2009 20:06

STF: cheque pré-datado antes da data causa dano moral

Agência Brasil

Brasília - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu hoje (17) que a apresentação de cheque pré-datado antes da data ajustada pelas partes pode gerar dano moral. O projeto, relatado pelo ministro Fernando Gonçalves, deu origem à súmula 370.

De acordo com o STJ, a questão vem sendo tratada pelo Tribunal há alguns anos. Entre os precedentes citados na decisão, estão ações julgadas em 1993.

Em uma outra decisão envolvendo procedimentos bancários, o STJ proibiu o Banco Bandeirantes de Investimentos S/A de cobrar taxas e tarifas na disponibilização de extratos e contratos bancários da Distribuidora Nacional Comércio e Representação Ltda.


A distribuidora ajuizou a ação cautelar depois que o banco cobrou taxas para a emissão de cópias de extratos e contratos. Os documentos foram solicitados porque a empresa suspeitou de débitos indevidos em sua conta corrente.

A primeira decisão do extinto Tribunal de Alçada de Minas Gerais determinou ao banco a emissão, desde que fossem cobradas taxas e tarifas relativas à segunda via dos documentos.

A empresa recorreu ao STJ alegando que o Código de Defesa do Consumidor assegura o acesso a toda informação relativa aos contratos firmados com instituições financeiras.

De acordo com o Tribunal, o relator do processo, ministro Luis Felipe Salomão, considerou, em sua decisão, que o contrato entre as envolvidas é caracterizado por uma relação de consumo e que, por isso, a alegação da distribuidora deveria ser acatada.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)