Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

19/11/2009 19:34

STF acolhe denúncia contra deputado Wladimir Costa

Iolando Lourenço, Agência Brasil

Brasília - O Supremo Tribunal Federal (STF) acolheu hoje (19) denúncia contra o deputado Wladimir Costa (PMDB-PA) e seu irmão Wlaudecir pela suposta prática de crime de peculato. A denúncia contra o parlamentar foi apresentada pela Procuradoria-Geral da República, com o argumento de que, entre fevereiro de 2003 e março de 2005, o deputado e Wlaudecir teriam contratado três funcionários “fantasmas” no gabinete, os quais repassariam os salários que recebiam aos irmãos.

De acordo com o STF, a denúncia apresentada pelo Ministério Público surgiu de reclamação trabalhista apresentada por um dos funcionários, que comunicou a existência do esquema. Segundo o Ministério Público, os funcionários recebiam os salários em contas da Caixa Econômica Federal e sacavam todo o dinheiro e entregavam ao irmão do deputado, que depositava na conta do parlamentar.

Segundo o STF, a defesa do deputado argumentou que a denúncia estaria cheia de informações desencontradas e que não há sequer indícios de prática de suposto delito.

No entanto, o parecer do relator, ministro Ricardo Lewandowski, aponta que pelo menos duas pessoas próximas aos fatos confirmaram a existência do desvio dos recursos. O laudo mostra que nesse período entraram na conta de Wladimir Costa valores em quantias equivalentes aos sacados pelos funcionários.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)