Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/06/2004 14:41

Sistema de cotas está sendo dicutido na Câmara

Agência Câmara

A adoção de cotas raciais e étnicas é o foco das discussões desta tarde nas comissões de Educação e Cultura; e de Direitos Humanos e Minorias. A audiência, promovida em conjunto pelas comissões, foi solicitada pelos deputados Iara Bernardi (PT-SP), Gilmar Machado (PT-MG) e Luiz Alberto (PT-BA).
Foram convidados para participar dos debates o diretor-executivo da Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes (Educafro), Frei David Raimundo Santos; a pró-reitora de ensino da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Maria José de Jesus Alves Cordeiro; o presidente da União Brasileira de Estudantes Secundaristas (Ubes), Marcelo Brito da Silva; e o professor da Universidade de São Paulo (USP) Hédio Silva Jr.

Educafro
O projeto Educafro é um pré-vestibular para negros e pessoas de baixa renda que já atendeu cerca de 14 mil alunos. No dia 26 de novembro do ano passado, Frei David, por causa do Educafro, recebeu do presidente da Câmara, João Paulo Cunha, e do então ministro da Educação, Cristovam Buarque, o "Prêmio Darcy Ribeiro de Educação 2003".

Legalidade
A constitucionalidade das cotas para negros foi debatida pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) nesta manhã. Segundo o IBGE, só 2% dos estudantes universitários no Brasil são negros. Além disso, eles representam apenas 0,5% dos alunos das universidades públicas.



Reportagem - Natalia Doederlein
Edição - Simone Ravazzolli

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)