Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/07/2016 07:13

Síndrome respiratória aguda grave matou 39 pessoas em Sorocaba em 2016

Bruno Bocchini - Repórter da Agência Brasil

 

A Secretaria de Saúde de Sorocaba (SP) divulgou hoje (11) que ocorreram 39 mortes no município em 2016 causados pela síndrome respiratória aguda grave (SRAG), dos quais 11 estavam associados ao vírus Influenza A H1N1. A quantidade de mortes, segundo balanço divulgado pela secretaria, é mais do que três vezes superior à registrada no ano anterior. Nos 12 meses de 2015, a cidade teve 12 óbitos causados pela SRAG, nenhum deles relacionados a H1N1.

Segundo a Divisão de Vigilância Epidemiológica de Sorocaba, os 204 casos de SRAG confirmados por influenza A (H1N1) em 2016 ocorreram em todas as faixas etárias, com maior prevalência (61%) na população de 20 à 59 anos, seguida nos menores de 19 anos (22%) e em menor número nos maiores de 60 anos (17%).

A síndrome respiratória aguda grave é um quadro clínico grave caracterizado pela presença da síndrome gripal, associada a sintomas como desconforto respiratório, aumento da frequência respiratória e pressão baixa. Este quadro pode ser causado por uma série de doenças, entre as quais a gripe Influenza A (H1N1).

Vacinação

Segundo a Secretaria de Saúde de Sorocaba, o município atingiu a meta de imunizar em 2016, ao menos, 80% do público de risco contra o vírus A H1N1. De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 47,6 milhões de pessoas no país já se vacinaram contra a influenza neste ano, o que representa uma cobertura de 95,5% do público-alvo da campanha, de 49,8 milhões de pessoas.

Neste ano, até 30 de maio, foram registrados 4.704 casos de influenza de todos os tipos no Brasil e 764 óbitos. Deste total, 3.978 foram por influenza A (H1N1), com registro de um caso importado (o vírus foi contraído em outro país).

Edição: Fábio Massalli

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)