Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

26/11/2008 13:13

Sindicato reclama de dificuldade em negociar com Enersul

Adriany Vital - Campo Grande News

O Sinergia-MS (Sindicato dos Trabalhadores na Indústria e Comércio de Energia no Estado de Mato Grosso do Sul) acusa o Grupo Rede, que assumiu a administração da Enersul neste ano, de desrespeitar a liberdade sindical da classe.
Elvio Marques Varga, presidente do Sinergia-MS, explicou ao Campo Grande News, que nesta terça-feira representantes do grupo iriam se reunir como o sindicato para discutir a data base de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho dos empregados da Enersul, mas a tentativa foi frustrada.

A reunião foi cancelada porque um dos integrantes do grupo de funcionários era um representante do sindicato do Pará, também ligado à Rede. Conforme Elvio, os sindicatos estão formando uma comissão entre todos os sindicatos que representam trabalhadores de empresas do Grupo Rede para fortalecer a defesa do interesse da classe. O que justificou a presença do sindicalista de outro estado.

A classe afirma ainda que a Rede contrata serviços terceirizados para debater assuntos ligados à classe e questiona. “O nosso questionamento é porque eles podem enviar pessoas que não são ligadas ao grupo para reuniões com o sindicato e a classe não pode contar com o apoio de colegas de outros sindicatos”, protestou Elvio.

“A data base de negociação do Acordo Coletivo de Trabalho dos empregados da Enersul é em novembro de 2008 e o Grupo Rede, assim como a maioria das empresas, contrata uma assessoria especialista em Assuntos Sindicais para realizar as negociações junto ao Sindicato representante da categoria”, reclama o sindicato.

"O Sinergia-MS está e sempre esteve aberto ao diálogo e às negociações, desde que a empresa não queira interferir e definir quem pode ou não representar a categoria”, conclui a entidade.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)