Cassilândia, Sábado, 23 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

06/09/2017 17:30

Seul fala em situação imprevisível se Coreia do Norte não parar com provocações

Agência Brasil

O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, advertiu nesta quarta-feira (6) que se o regime norte-coreano não parar com as contínuas provocações, é possível que ocorra uma situação "imprevisível". As informações são da agência espanhola EFE.

"Se a Coreia do Norte não cessar suas provocações, podemos nos deparar com uma situação imprevisível", disse o governante sul-coreano, citado pela imprensa local no início de uma reunião com o presidente russo, Vladimir Putin, durante o Fórum Econômico do Oriente, que é realizado em Vladivostok, no extremo Leste da Rússia.

Moon disse que as contínuas provocações norte-coreanas "agravam excessivamente" a situação, não só na península coreana mas em todo Nordeste da Ásia.

"Por isso, queria trocar opiniões consigo sobre como podemos frear as provocações norte-coreanas, sobre como encontrar vias de solução a estes problemas", acrescentou.

Rússia

Por sua vez, o presidente Putin disse hoje que a Coreia do Norte não deve ser encurralada e reiterou a postura de Moscou de que as sanções contra o regime de Pyongyang não ajudarão a resolver os problemas na península coreana.

"Não devemos nos deixar levar pelas emoções e encurralar a Coreia do Norte", disse o presidente russo, ao final da reunião com o sul-coreano Moon Jae-in, em Vladivostok.

Ele enfatizou que é "impossível" resolver os problemas da península coreana somente com pressão e sanções a Pyongyang.

"Agora, como nunca, é necessário manter o sangue frio e evitar passos que conduzam à escalada da tensão", disse Putin.

Ele acrescentou que conversou com o presidente sul-coreano e disse que "a Rússia não reconhece o status nuclear da Coreia do Norte" e que o programa nuclear e de desenvolvimento de mísseis prejudicam o regime de não proliferação de armas nucleares e ameaça a segurança no nordeste da Ásia.

Moon, por sua parte, se mostrou satisfeito com a compreensão "e apoio" manifestado pelo presidente russo aos esforços do governo sul-coreano para garantir uma paz sólida na península coreana.

"Com base nestas negociações, o chefe dos dois Estados fortalecerão seus contatos estratégicos também para solução do problema norte-coreano", afirmou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 22 de Setembro de 2017
Quinta, 21 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)