Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/08/2010 16:44

Seu relacionamento acabou e só você não sabe?

Pais e Filhos/ Por Roberta Roque

A separação é uma decisão difícil que deve ser tomada após muita conversa e reflexão. Destacamos alguns sinais importantes e dicas para você fazer um balanço da situação com mais segurança, racionalidade e certeza

Nenhum relacionamento acaba de uma hora para outra. Assim como a construção do relacionamento, o fim também leva tempo para ser arquitetado. Brigas e discussões são normais, porque ninguém disse que para um relacionamento dar certo os dois precisam apenas concordar em tudo. Mas, como descobrir se o casamento acabou?

Quando achamos que um relacionamento não está dando certo e passamos por situações desgastantes é preciso maturidade de ambos os lados. A separação é uma decisão difícil que deve ser tomada após muita conversa e reflexão. Separamos alguns sinais importantes e dicas para você tomar a decisão com mais segurança, racionalidade e certeza. Veja abaixo.

1 - Sem pressa
O casal precisa conseguir se enxergar e perceber o que pode ser transformado. Se o relacionamento passou a ser pautado por brigas e mágoas, alguma coisa não está certa. É necessário sensibilidade para se reconciliar ou acabar.

Para a psicóloga Andreia Calçada, a comunicação é a única forma de resolver e evitar os problemas. Buscar terapia também é um bom começo para tentar salvar o relacionamento. “Se depois de muita conversa você perceber que o defeito do outro é algo difícil de manobrar, talvez o ponto final seja a melhor solução”.

Todas as relações humanas são delicadas, mas se o casal tiver filhos, o caso merece ainda mais atenção. Para a criança, os pais são sua representação de segurança, explica Dra. Andreia Calçada. “Toda separação gera mudanças e sensação de perda, mas se tudo acontecer de maneira delicada a criança não fica necessariamente traumatizada”.

2 - Coloque na balança
Pense sobre os motivos das últimas brigas. Alguns casais discutem por coisas pequenas, como, esquecer a toalha molhada em cima da cama, enquanto outros atingem dimensões maiores, como a infidelidade.

Enquanto você pesa todo o relacionamento, tente descobrir a principal causa dessas discussões. Mas tudo isso deve ser feito de cabeça fresca.

Fazer uma lista de prós e contras também pode ser uma boa ideia. Parece frio demais dividir seu casamento em duas colunas? É para ser mesmo. Pensar de maneira racional pode ser o contrabalanço necessário quando você está com as emoções abaladas.

3 - Dar um tempo
Dra. Andreia Calçada explica que dar um tempo pode tanto ser uma decisão positiva, quanto negativa. Aquele “dar um tempo” adolescente, em que o casal fica com várias outras pessoas, e inevitavelmente acaba se machucando ainda mais, é \"péssimo\"!

Se as duas pessoas utilizarem esse tempo para refletir e depois conversarem de cabeça fria, pode ser muito benéfico.

4 - Separação ioiô
Um relacionamento ioiô, que termina e volta, é desgastante tanto para o casal quanto para os filhos. Para a criança, isso gera um nível de insegurança muito alto, pois quando ela passa a se acostumar com determinada situação, as coisas mudam.

O casal pode se separar, mas eles terão para sempre o filho, que é um vínculo muito maior. A criança pode e deve ser poupada, pois comumente muitos pequenos assumem a culpa pelo fracasso no relacionamento dos pais.

Se depois de muito pensar e conversar vocês se acertaram, parabéns à nova etapa do casal. Se a decisão final foi a separação, não deem chance para a culpa e boa sortea vida!

Consultoria: Andreia Calçada, mãe de João Pedro e psicóloga - Tel.: (21) 2569.8552

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)