Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/08/2007 07:49

Sete novas terras indígenas são reconhecidas

Grazielle Machado /ABr

Brasília - Cerca de 1,7 mil índios tiveram suas terras reconhecidas ontem (17) pelo governo federal. O Ministério da Justiça baixou portarias reconhecendo sete terras. Ao todo, somam 401.78 mil hectares nos estados do Acre, Mato Grosso e Amazonas.

Segundo nota do Ministério da Justiça, o reconhecimento das terras seguiu o trâmite natural. Antes mesmo de serem demarcadas, passaram por estudos de identificação a delimitação da área, realizadas por um grupo técnico. O Ministério afirma que de abril a agosto desde ano, mais de 710 mil hectares foram declarados terra indígena.

As terras declaradas (17) são:



Rio Gregório, no município de Tarauacá (AC). Superfície de 187.400 hectares. População de 580 índios Katukina e Yawanawá


Cacique Fontoura, no municípios de Luciara e São Félix do Araguaia (MT). Superfície DE 32.069 hectares. População de 489 índios Karajá


Barro Alto, no município de Tonantins (AM). Superfície de 1.964 hectares. População de 90 índios Cocama


Prosperidade, município de Tonantins (AM). Superfície de 4.806 hectares. População de 120 índios Cocama


Santa Cruz da Nova Aliança, no município de Tonantins (AM). Superfície de 5.759 hectares. População de 241 índios Cocama


Mapari, no municípios de Japurá, Tonantins e Fonte Boa (AM). Superfície de 157.416 hectares. População de 93 índios Caixana.


Lago do Correio, município de Santo Antonio do Iça, (AM). Superfície de 12.369 hectares. População de 45 índios Tikuna e Kokama.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)