Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

28/06/2006 17:32

Sessão do Tribunal termina com julgamento de 90%

TJMS

Acabou há pouco a sessão do Tribunal Pleno desta quarta-feira (28). Dos dez processos em pauta, nove foram julgados e destes, cinco eram pedido de intervenção estadual em município. Desses, apenas um foi deferido e outro adiado em face da ausência justificada do relator.

Nos processos nº 2005.017977-1, 2006.001118-0, 2006.001127-6 o argumento apontado para indeferir o pedido foi o mesmo: o disposto no artigo 100, parágrafo 3º da Constituição Federal: “O disposto no caput deste artigo, relativamente à expedição de precatórios, não se aplica aos pagamentos de obrigações definidas em lei como de pequeno valor que a Fazenda Federal, Estadual, Distrital ou Municipal deva fazer em virtude de sentença judicial transitada em julgado” e isso abrange montantes até 60 salários mínimos ou R$ 21 mil.

Nos casos em julgamentos, os precatórios referiam-se a R$ 1.252,23, R$ 20.228,28 e R$ 3.452,07, o que permite o uso de ofício requisitório, isto é, o juízo poder requisitar o pagamento imediato da quantia devida, um procedimento considerado mais rápido e eficiente pelos desembargadores. Além disso, o prazo para quitação da dívida vai até o dia 31 de dezembro – final do ano administrativo – e não se pode obrigar o município a pagar quando ainda existe tempo hábil para fazê-lo.

O único pedido de intervenção estadual em município deferido foi o dos autos nº 2006.001125-2, por não ter o município de Paranaíba pago o precatório de R$ 19.016,22, vencido no exercício de 2005.

Autoria do texto:

Secretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)