Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Maio de 2019

Últimas Notícias

02/05/2019 08:20

Sesau investiga morte de menina de 7 anos por dengue

Correio do Estado

 

A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) investiga a morte de um menina de 7 anos por dengue. A criança foi internada na última segunda-feira e morreu dois dias depois no Hospital da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores Públicos), em Campo Grande.

Conforme a Sesau, o exame feito na unidade apontou ocorrência de dengue, no entanto, a secretária tenta viabilizar com a instituição o material coletado para encaminhar ao Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública ). Enquanto isto, o caso será registrado como suspeita de dengue.

O último boletim divulgado pelo Município, registra seis óbitos confirmados por dengue na Capital, desde o início do ano. No estado, o total é de 14 mortes pela doença com ocorrências em Dourados, Três Lagoas, Maracaju e Ponta Porã.

Na Capital, as notificações de dengue atingiram 24.054, com 4.531 casos confirmados. A maior parte dos casos foram notificados no mês de março, 9.472. Em abril, até o dia 23, foram 5.296 registros. Ontem, o secretário municipal de Saúde, José Mauro Filho, afirmou que os casos começaram a cair. “A dengue está diminuindo as notificações. No comparativo com a semana passada, teve diminuição expressiva”, afirmou.

A diminuição, no entanto, ainda não se refletiu no boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), no dia 25 de abril. A Capital tinha confirmado 497 novos casos de dengue em apenas uma semana.

ESTADO

Desde o início do ano, foram registrados no Estado 7.303 casos de dengue, sendo 483 comprovados por critério laboratorial e 6.820 por sintomas. Na semana anterior, os casos confirmados eram de 6.806, sendo 460 por critério laboratorial e 6.346 por critério clínico-epidemiológico.

No Estado, já são 64 municípios com alta incidência da doença. Até semana passada, eram 61 municípios. O campeão de notificações é a Capital (9.726), seguido de Três Lagoas (3.511) e Dourados (1.625). Estão com baixa incidência da doença apenas Japorã, Aquidauana, Juti e Paranhos. Média incidência nos municípios de Cassilândia, Anastácio, Sete Quedas, Porto Murtinho, Jardim, Inocência, Guia Lopes da Laguna, Bonito, Nova Andradina, Bela Vista e Paraíso das Águas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Maio de 2019
22:00
Loterias
21:45
Loterias
21:42
Loterias
10:00
Receita do Dia
Quarta, 22 de Maio de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)