Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/05/2005 09:32

Servidores do INSS no Rio decidem se entram em greve

Vitor Abdala/ABr

Os servidores do Ministério da Previdência e do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no estado do Rio farão uma assembléia na próxima terça-feira (24), para decidir se entram em greve antes da paralisação nacional, prevista para 2 de junho.

Segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Saúde, do Trabalho e da Previdência Social (Sindsprev/RJ), Rolando Medeiros, o motivo da mobilização estadual é a dificuldade dos servidores de receberem antigos passivos trabalhistas.

Ele explicou que a Justiça já deu ganho de causa às ações referentes ao pagamento das perdas de 3,17% do reajuste de 1995, dos 28,86% e dos 47,11% do Plano de Cargos e Carreiras (PCCS).

Um grupo de trabalho foi criado pelo sindicato e aprovado pelo Ministério da Previdência Social para calcular o valor dos passivos. No entanto, segundo Rolando Medeiros, a Procuradoria do INSS estaria criando dificuldades para realização dos cálculos.

"Eles estão criando dificuldades e não nos apresentam os parâmetros de cálculo. Não queremos receber a mais do que é devido, mas também não queremos receber a menos do que é de direito dos servidores do estado do Rio de Janeiro", disse Medeiros.

A assembléia do Sindsprev decidirá se a greve no estado começará no dia 25 de maio. Uma paralisação nacional está prevista para 2 de junho para pressionar o governo por aumento salarial. O Rio de Janeiro concentra cerca de 25 mil servidores ativos e aposentados da Previdência. Em todo o estado, existem 90 postos do INSS.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)