Cassilândia, Quinta-feira, 18 de Julho de 2019

Últimas Notícias

26/06/2019 16:08

Servidor municipal não tem direito a meia entrada, diz promotor de Justiça

Redação
Servidor municipal não tem direito a meia entrada, diz promotor de Justiça

O promotor de Justiça Pedro de Oliveira Magalhães disse que não pode haver distinção entre consumidores em razão da profissão. Isto viola tanto o Código de Defesa do Consumidor quanto a Constituição da República.

A posição do Ministério Público foi tomada depois de chegar ao seu conhecimento a existência da Lei Municipal 1.959, de 8 de junho de 2014, que assegura aos servidores públicos municipais ativos e inativos o desconto de cinquenta por cento no pagamento do valor integral cobrado em evento que proporcionem entretenimento, casas de diversão, espetáculos teatrais, musicais e circense em praças esportivas e similares de propriedade particular ou administração pelo município.

Hoje, o promotor convidou o presidente do Sindicato Rural Silas Oliveira para uma reunião e comunicou que a lei municipal é inconstitucional e vai encaminhar a procuradoria para ingressar com a ação própria. "Vou representar ao Procurador Geral de Justiça pela inconstitucionalidade da Lei Municipal 1.959/2014 perante o Tribunal de Justiça, porque o município legislou de forma inconstitucional sobre o princípio da livre iniciativa", informou o promotor.

O Sindicato Rural aceitou assinar um TAC com o MP na próxima quarta-feira para que não haja qualquer distinção na venda de ingressos em razão da profissão.

Assim, explica o promotor, o Sindicato Rural evita uma acão civil pública. "O MP está tomando essa medida porque no final das contas esse "desconto" dos servidores municipais acaba sendo repassado aos demais consumidores que não são servidores municipais, conforme a lógica do mercado", disse.

"Em resumo, quem acaba pagando a conta do servidor municipal no final da história são os outros consumidores, gerando desiquilibrio nas relações de consumo.", concluiu.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 18 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Quarta, 17 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)