Cassilândia, Segunda-feira, 22 de Abril de 2019

Últimas Notícias

24/03/2019 13:30

Sequestro relâmpago de motorista de aplicativo termina com bandido morto

Campo Grande News

Roubo de Toyota Etios branco com cárcere privado de motorista de aplicativo de 39 anos terminou com bandido baleado em confronto com policiais do Batalhão de Choque e uma pessoa presa.O crime aconteceu na madrugada deste domingo (24), na Rua Pintassilgo, entrada da favela do Morro do Mandela, em Campo Grande. Claudinei da Silva Lopes, 31 anos, morreu. A comparsa dele, Laisa Daiane do Nascimento Silva, 28 anos, foi presa em flagrante.

Segundo os policiais que atenderam a ocorrência Claudinei era membro do PCC (Primeiro Comando da Capital). Já Laisa confessou que aceitou participar do crime, pois devia R$ 650 em dívida de droga para a facção e que foi ameaçada por Claudinei. Caso não ela participasse teria a família morta.

Conforme boletim de ocorrência, Policiais do Batalhão de Choque recebeu informação de que havia duas pessoas, sendo uma delas armada com arma de fogo, levando para região de mata um homem com os braços amarrados para trás.

Ao chegar ao local, a polícia encontrou o suspeito armado com revólver e a vítima deitada no chão e amarrada. Foi dada voz de prisão, mas o autor desobedeceu, tentou se esconder na mata e disparou por duas vezes contra a equipe, segundo registro policial.

Os policiais revidaram e o suspeito acabou baleado. Ele foi socorrido pelos policiais à Santa Casa, mas não resistiu. A vítima de 39 anos contou aos policiais que foi acionado para fazer corrida em frente ao Burger King da Avenida Afonso Pena. Lá, dois homens e uma mulher entraram em seu veículo Toyota Etios branco. Durante o trajeto, os passageiros anunciaram o roubo e levaram a vítima para o local onde foi encontrada.

Enquanto Claudinei e Laisa mantinham a vítima em cativeiro. O outro comparsa do grupo fugiu com o veículo. O carro foi recuperado e o suspeito preso pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) próximo à cidade de Miranda. Já Laisa, foi detida próximo ao cativeiro e reconhecida pela vítima. Segundo a polícia, o crime foi a mando de interno de um presídio da cidade.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 22 de Abril de 2019
20:41
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Domingo, 21 de Abril de 2019
09:00
Santo do dia
Sábado, 20 de Abril de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)