Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/06/2011 19:32

Sequestro mobiliza PM do Distrito Federal

Agência Brasil

Brasília - Uma tentativa frustrada de sequestro relâmpago hoje (14) na quadra 711 Sul em Brasília, fez quatro mulheres reféns por cerca de seis horas. Bruno Leonardo Vieira de 29 anos e Adelino de Souza Porto, de 57, tentaram sequestrar Guilherme Sartori que saia de casa. Dois operários que trabalhavam nas proximidades suspeitaram da movimentação e acionaram a polícia por volta das 10h.

Assustados, os dois sequestradores entraram na casa, e fizeram três mulheres reféns, inclusive uma grávida. Mariana de Freitas Sartori, a quarta vítima, estava escondida em um dos quartos e passou informações sobre o comportamento dos assaltantes antes de ser encontrada.

A negociação da Polícia Militar terminou às 16h sem feridos. As reféns foram atendidas no Hospital Naval de Brasília. \"O momento mais crítico de toda a operação foi logo no início, pois os sequestradores estavam eufóricos e nervosos por conta da presença policial no local\", afirmou o tenente coronel Juarez Teixeira Madureira, chefe da equipe de negociação.

Os sequestradores já tinham passagem na polícia por homicídio e roubo e Porto estava foragido desde o último saidão, benefício dado a presos com bom comportamento, na páscoa. Estavam armados com uma pistola calibre 38, consumiram maconha e cocaína dentro da casa, o que levou a polícia a avaliar a invadir da casa. \"A partir do momento em que visualizamos o consumo de drogas, atiradores de elite foram posicionados para evitar qualquer reação inesperada dos sequestradores\", disse o comandante do Batalhão de Operações Especiais (Bope) Fábio Pizetta.

A Polícia Militar do Distrito Federal disse que a operação foi concluída com sucesso, já que não houve feridos entre as vítimas e os sequestradores. \"Operamos nessa situação com toda a segurança, buscando sempre resguardar a vida dos envolvidos\", disse o major Adriano Meirelles.

Os sequestradores exigiram um advogado e um membro da pastoral carcerária. \"A partir do momento em que mostramos o quadro aos sequestradores, e eles viram que não havia chance de escapar, e os reféns foram liberados\", ressaltou Madureira.




Edição: Rivadavia Severo

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)