Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/08/2005 06:53

Senadores aprovam salário mínimo de R$ 384,29

Luciana Vasconcelos - Agência Brasil

Os senadores aprovaram ontem destaque à Medida Provisória (MP) que aumentou em 1º de maio o salário de R$ 260 para R$ 300. O destaque, apresentado pelo senador Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA), reajusta o valor para R$ 384, 29. Foram 30 votos favoráveis, 27 contrários e cinco abstenções. A medida voltará à Câmara dos Deputados, que tem até o dia 19 para votar a matéria.

Em junho, durante votação da MP do salário mínimo, os deputados chegaram a aprovar um reajuste que elevou o valor a R$ 536,28, mas depois voltaram atrás e aprovaram os R$ 300.

O líder do governo no Senado, Aloízio Mercadante (PT-SP), afirmou que não há possibilidade de se manter o aumento. Segundo ele, o reajuste aprovado tem um impacto de R$ 12 bilhões no Orçamento da União e na Previdência Social. "Não há a menor possibilidade. Mesmo cortando todos investimentos do país, não teríamos como absorver esse reajuste neste ano", explicou. E completou: "Espero que a Câmara possa rever a decisão, porque se o governo tiver que vetar esse reajuste nós voltaríamos para R$ 260 e isso traria um grande prejuízo".

O líder do PFL no Senado, Agripino Maia (RN), disse que foi uma vitória trabalhada: "Agora vamos ver o comportamento do governo, que prometeu dobrar o salário mínimo em quatro anos". Para o senador José Jorge (PFL-PE), "o governo precisa se mobilizar se quiser reverter a situação".

O reajuste foi aprovado por 30 votos, entre eles os de senadores como Antônio Carlos Valadares (PSB-SE), João Batista Motta (PMDB-ES), João Capiberibe (PSB-AP0, João Maranhão (PMDB-PB), Mão Santa (PMDB- PI), Papaleo Paes (PMDB-AP) e Sérgio Cabral (PMDB-RJ). As abstenções foram de Cristovam Buarque (PT-DF), Paulo Paim (PT-RS), Pedro Simon (PMDB-RS), Sérgio Zambiasi (PTB-RS) e Tasso Jereissati (PSDB-CE).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)