Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/06/2013 10:21

Seguro não liberou carne; envolvidos no saque responderão por furto, diz polícia

Bruna Girotto
Momento do furto das carnes do frigorífico mato-grossense (Foto: Leomar Dias)Momento do furto das carnes do frigorífico mato-grossense (Foto: Leomar Dias)

O Cassilândia News havia recebido informações de que a empresa de seguros teria liberado a entrega das carnes do frigorífico Frialto de Sinop (MT). 

Ontem (31/05), a carga do frigorífico estava acondicionado em uma carreta que tombou e foi saqueada em Cassilândia (MS).

O investigador Figueiró, da Polícia Civil de Cassilândia (MS), disse que isso não é verdade, não houve liberação alguma para que as pessoas pegassem as carnes. "Os envolvidos responderão por furto, segundo o art. 155, do Código Penal", disse o investigador.

Figueiró afirmou ao Cassilândia News que cerca de 400 pessoas participaram da ação delituosa e, em razão do baixo efetivo policial, não foi possível evitar o furto.

"Mas, o furto das carnes foi filmado. E as pessoas envolvidas no furto serão identificadas e responderão pelo crime", disse o investigador. 

 

ola....eu naõ sei se estas pessos estaõ sertas ou se estaõ erradas, de uma coisa eu tenho serteza essas carnes vcs vao ter que jogar fora ,o qui vcs vao fazer com essas carne ,...e com certeza vai matar a fome de muitas pessoas,como vcs mesmo viu uma pessoa postou que as carnes estao cheia de baquiterias nao tem serventia nemhum...
 
hilza dias lemes em 03/06/2013 13:10:05
Será que não pensaram nas consequências...no que pode vir a acontecer com o emprego desse motorista...
Gente em cima da carne..homens,mulheres!!!
O ser humano perdeu totalmente o respeito,a noção do certo e do errado!!!
 
Monyse em 01/06/2013 22:42:12
"Parabéns" às pessoas que fizeram isso...belo exemplo que estão dando aos seus filhos,sobrinhos,netos,irmãos mais novos.
Depois o brasileiro quer reclamar dos políticos,mas vejam só como age a sociedade,igual ou pior que os mesmos...
 
Esdro Rodrigues em 01/06/2013 22:37:28
Isso é muito vergonhoso. Que a justiça seja feita e paguem por aquilo que pegaram sem pagar.
 
Mirian Amin em 01/06/2013 14:07:14
Bom.. como as coisas são engraçadas né.... pra saquear ninguém preocupa com contaminação, bactérias etc...., agora se fosse um açougue..... vergonha... será que o povo tá tão necessitado assim ???

 
wember em 01/06/2013 13:53:33
Que vergonha, tomara que cada um pague o dobro do que roubou!
 
Matheus em 01/06/2013 11:34:24
Parabéns ao policial civil Figueiró, assim acredito em justiça, é inadmissível um fato desse, repercute mal pra cidade,
 
Termy Lima em 01/06/2013 10:41:18
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)