Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/05/2004 14:43

Seguro-desemprego tem reajuste de 8.33%

Dourados News

O valor da maior parcela do seguro-desemprego subiu de R$ 449,04 para R$ 486,46 no último dia 1º de maio. O reajuste de 8,33% faz parte da resolução do Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador), publicada ontem no Diário Oficial da União.

O reajuste do valor máximo da parcela do seguro-desemprego acompanhou o aumento do salário mínimo, que passou de R$ 240 para R$ 260.

Têm direito ao seguro-desemprego o empregado com carteira assinada, rural e urbano, o temporário, o avulso que trabalha por meio de entidade de classe, o facultativo --desde que contribua para a Previdência Social--, o pescador artesanal e o doméstico (desde que o empregador esteja recolhendo o FGTS).

O número de parcelas do seguro-desemprego varia de três a cinco, acordo com o tempo trabalhado com registro em carteira.

O cálculo do benefício é feito com base na média dos três últimos salários recebidos pelo demitido. Se a média for menor que o salário mínimo, a parcela será de R$ 260.

Quando a média for maior que o salário mínimo, será aplicado um fator de redução, que limitará o valor das parcelas mensais a até R$ 486,46 por mês. Este valor é pago para os demitidos que tinham salário superior a R$ 715,40 por mês.

O trabalhador pode requerer o benefício a partir do sétimo dia após a demissão. A data máxima para requerer o seguro é 120 dias após a demissão.

O pedido pode ser feito nas DRTs (Delegacias Regionais do Trabalho), subdelegacias ou postos do Ministério do Trabalho nos Estados, além dos postos do Sine (Sistema Nacional de Emprego) e sindicatos conveniados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)