Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/01/2010 12:17

Secretário diz que não tem como conter avanço de erosão

Campo Grande News/ Edivaldo Bitencourt e Aline dos Santos

Operários continuam trabalhando na remoção da tubulação metálica da cratera aberta na Avenida Ceará, entre a Uniderp Anhanguera e a Avenida Afonso Pena, no Bairro Miguel Couto. Segundo o secretário municipal de Infraestrutura, Habitação e Transporte, João Antônio De Marco, não existem meios para impedir o aumento do buraco.

A cratera está com extensão de aproximadamente 40 metros e profundidade de 15 metros. Só faltam três metros para tomar toda a avenida Ceará, próximo do viaduto sobre a Avenida Ricardão Brandão.

Na manhã de hoje, operários mantem os trabalhos para a retirada da tubulação metálica. O objetivo é limpar o local para dar mais vazão ao Córrego Prosa e impedir o desmoronamento de mais trechos em caso de chuva.

Segundo a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), a Avenida Ricardo Brandão deverá ser interditada parcialmente para a retirada dos tubos. No entanto, a interdição será parcial e temporária.

Erosão – Segundo De Marco, o solapamento está ocorrendo por baixo, o que impede qualquer medida corretiva para evitar ao avanço da cratera. Além de causar a interdição total da Avenida Ceará, a cratera já derrubou as grades do muro de um condomínio.

Ontem, em decorrência da chuva, houve novo desmoronamento no local. E novos desabamentos podem ocorrer.

O prefeito Nelsinho Trad (PMDB) ainda não teve a reunião com a Cobel, empresa responsável pelas obras de drenagem na Ceará. Segundo o secretário, a empreiteira está de férias coletivas e a cobrança só deverá ocorrer na próxima semana.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)