Cassilândia, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

Últimas Notícias

28/08/2015 18:30

Secretaria confirma primeiro caso chikungunya e alerta para vírus em MS

Campo Grande News

A Secretaria Estadual de Saúde confirmou nesta sexta-feira (28), o primeiro caso de Chikungunya contraído em Mato Grosso do Sul. O paciente é morador de Corumbá, a 419 quilômetros da Capital, que passa a ter, oficialmente, o vírus da doença.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje, também foram constatados 17 novos casos suspeitos da doença, em relação as computadas no boletim anterior divulgado no período de 22 de julho.

O novo boletim confirmou que o vírus está em circulação na fronteira de Mato Grosso do Sul com a Bolívia, o que deixa as autoridades em alerta para a possibilidade da ocorrência de novos casos.

Os municípios que apresentam o maior número de casos notificados são: Campo Grande (57 suspeitos e um confirmado) e Corumbá (13 casos, sendo 1 confirmado). O total no Estado foram 96 casos sendo dois confirmados e 17 em análise.

Segundo a médica infectologista Haidê Marina do Vale Pereira, a primeira medida é constatar que o individuo não está com dengue, após a sorologia dar negativo pode se afirmar que é febre chikungunya. Os principais sintomas são febre maior que 38,5ºC e dores intensas nas articulações. Nesta fase o paciente, não consegue nem mexer as articulações como por exemplo teclar em um teclado, podendo evoluir para uma dor crônica.

Haidê explica que a doença não leva ao óbito, mas pode permanecer por até dois anos. A pessoa pode ser medicada com anti-inflamatórios e corticoides devido as fortes dores musculares de forma contrária da dengue, que não pode receitado o uso de anti-flamatórios.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 25 de Março de 2017
21:10
Cassilândia
15:01
Curiosidade
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)