Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

28/08/2015 18:30

Secretaria confirma primeiro caso chikungunya e alerta para vírus em MS

Campo Grande News

A Secretaria Estadual de Saúde confirmou nesta sexta-feira (28), o primeiro caso de Chikungunya contraído em Mato Grosso do Sul. O paciente é morador de Corumbá, a 419 quilômetros da Capital, que passa a ter, oficialmente, o vírus da doença.

Segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje, também foram constatados 17 novos casos suspeitos da doença, em relação as computadas no boletim anterior divulgado no período de 22 de julho.

O novo boletim confirmou que o vírus está em circulação na fronteira de Mato Grosso do Sul com a Bolívia, o que deixa as autoridades em alerta para a possibilidade da ocorrência de novos casos.

Os municípios que apresentam o maior número de casos notificados são: Campo Grande (57 suspeitos e um confirmado) e Corumbá (13 casos, sendo 1 confirmado). O total no Estado foram 96 casos sendo dois confirmados e 17 em análise.

Segundo a médica infectologista Haidê Marina do Vale Pereira, a primeira medida é constatar que o individuo não está com dengue, após a sorologia dar negativo pode se afirmar que é febre chikungunya. Os principais sintomas são febre maior que 38,5ºC e dores intensas nas articulações. Nesta fase o paciente, não consegue nem mexer as articulações como por exemplo teclar em um teclado, podendo evoluir para uma dor crônica.

Haidê explica que a doença não leva ao óbito, mas pode permanecer por até dois anos. A pessoa pode ser medicada com anti-inflamatórios e corticoides devido as fortes dores musculares de forma contrária da dengue, que não pode receitado o uso de anti-flamatórios.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)