Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/03/2012 18:30

Se Fael ganhar vai voltar para MS, diz mãe a dez dias da final do BBB 12

Ângela Kempfer, Campo Grande News
Amigos assistindo o BBB 12 em Aral MoreiraDivulgaçãoAmigos assistindo o BBB 12 em Aral MoreiraDivulgação

Daqui a 10 dias Mato Grosso do Sul pode ter uma nova celebridade nacional. Na reta final do reality show de maior audiência do País, as pesquisas mostram que Fael tem a maioria disparada da torcida. Quase 70% querem que ele vença o Big Brother Brasil 12, segundo as enquetes nos principais jornais brasileiros.

Falta pouco e a família do veterinário sabe que muita coisa deve mudar depois do dia 29 de março, data da final do BBB. A mãe Silvana conta que resolveu fazer até uma pequena reforma na fachada do comércio que mantém em Aral Moreira, no sul do Estado.

“Porque a gente sabe que vai ser muito procurado a partir de agora, nessa reta final, e quero que tudo esteja bonitinho”, justifica. Para a obra rápida, foram retiradas provisoriamente da frente da casa as faixas que exibiam o orgulho da cidade por ter um representante tão querido no programa famoso.

A prefeitura mandou faixa em homenagem, o clube do laço da cidade e as escolas também e assim o endereço de Fael ficou público e notório, passou a ser ponto turístico da cidade. “Todo mundo passa e fica olhando apontando”, diz a mãe.


No município de apenas 2.226 habitantes, alguns param e pedem para conversar, saber um pouco mais sofre o famoso morador e até tirar fotos, lembra Silvana. “No sábado, dez estudantes de Iguatemi vieram conhecer a gente”.

A mãe parece muito sincera na humildade diante do que pode ser o maior feito de alguém da família. Garante que ainda não vê Fael como campeão e considera todos em condições de vencer. “Quem chegou até aqui é forte. Penso que a Fabiana e o Jonas são dois que podem ganhar”.

Para evitar a derrota, a família mobiliza as pessoas como pode. Já distribuiu 5 mil adesivos para quem quisesse, mandou fazer mais e quando tem oportunidade durante as entrevistas (praticamente diárias) a rádios e jornais daqui e de outros estados, pede uma força na torcida.

Sobre os últimos acontecimentos na casa, o romance com Noemi foi comemorado pela família. “Ela chegou na hora certa, ele estava precisando de carinho”, avalia Silvana.

Mesmo gostando do namorico, a mãe, que costuma ficar 24 horas com a TV ligada no BBB, esboça um certo constrangimento ao comentar as cenas mais picantes do filho. “A gente nunca viu ele tão na intimidade assim, é estranho. Nunca vigiei tanto meu filho como agora”, ri.

A mãe lembra como se fosse hoje o dia em que Fael abriu o e-mail e descobriu que era um dos pré-selecionados para o BBB. “Gritou de mais, me chamou e fui correndo pensando que era algo grave”.

Passados meses, até os irmãos já sentem na pele a fama de tabela. O mais velho, Rony, é piloto e por onde passa tem de dar “satisfações” sobre Fael. O mais novo, Rodrigo, estuda em Dourados e já recebe convite para virar top model. “Mas ele nem quer saber disso, faz Agronomia e pronto”, comenta a mãe coruja.

Apesar de Silvana ser vereadora em Aral Moreira, a carreira política não está nos projetos de Fael, acredita a mãe que não descarta a possibilidade de um dia ser candidata à prefeitura de Aral Moreira. “Não é o dom dele, ele não gosta. No meu caso, hoje digo que não quero ser prefeita, mas isso depende do futuro”.

A final neste ano terá apenas 2 competidores no dia derradeiro. Aral Moreira espera que um deles seja Fael e vai acompanhar na lanchonete, em frente a casa do veterinário, o que pode ser o grande dia da cidade.

Diferente de Priscila Pires, vice-campeã no ano passado, Fael é genuinamente sul-mato-grossense. Nunca saiu daqui, mandou cinco fotos para o BBB e conseguiu projeção que milhares buscam desde que o reality show estreou no Brasil. Caso ganhe, a mãe duvida que o rapaz fique pelo Rio de Janeiro por mais tempo que a fama repentina exigir. Silvana acha que Fael vai voltar para Aral Moreira e comprar gado. “É um sonho dele desde criança: comprar bois”

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)