Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/06/2011 07:20

Saúde: Ronco do parceiro faz pessoa perder três semanas de sono por ano, diz pesquisa

Agência do Rádio

Há cerca de dois anos, os roncos barulhentos de Thales Pinheiro Lins Júnior, de 34 anos, passaram a atormentar o sono da esposa. Após muitas reclamações da companheira e ao constatar que o problema também afetava sua disposição no dia seguinte, o advogado procurou ajuda médica:


\"Eu tinha percebido que estava roncando bastante, com relatos da minha esposa de que havia incômodo. Ele percebia que acordava em razão dos meus roncos. E diante desse histórico e aliado a outras situações como, por exemplo, um aumento muito grande de peso e de taxa de colesterol, nós procuramos fazer não só uma dieta e uma procura específica de um médico de distúrbio do sono.\"

O tormento dos roncos altos vivido pelo casal é mais comum que se pensa e pode afetar a saúde não só da pessoa que sofre do distúrbio. Uma pesquisa da British Lung Foundation revelou que uma em cada três pessoas perde o equivalente a 23 dias de sono, a cada ano, por conta do ronco barulhento do companheiro ou companheira. O problema atrapalha as noites de 39% dos adultos ouvidos pelo estudo. O otorrinolaringologista do Hospital da Lagoa, do Rio de Janeiro, Lucas Leme, alerta que roncar alto pode evoluir para a apneia, que é a suspensão do sono por falta de oxigenação, causada pelo relaxamento dos músculos da garganta. O distúrbio pode ocasionar doenças como hipertensão, obesidade e problemas cardíacos.


\"Além do ronco que seria só um estreitamento, mas ainda havendo ventilação, você começa realmente a ter o fechamento. E isso é muito grave porque isso chega a causar queda de oxigenação no organismo e começa a ter repercussões. A gente, hoje em dia, tem diversas doenças associadas ao problema, como a hipertensão, a própria obesidade. As pessoas tendem a engordar quando fazem apneia, porque dormem mal, não têm disposição, estão sempre famintas porque o cérebro não dormiu.\"

De acordo com o especialista, as pessoas que roncam devem procurar ajuda médica o quanto antes para evitar a apnéia. Exercícios físicos aeróbicos, como a caminhada e a corrida, também são recomendados, pois fortalecem a musculatura da garganta.

Reportagem, Alexandre Souza


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)