Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

02/04/2004 16:09

Saúde lança programa para reduzir câncer de mama

Angélica Gramático / ABr

O ministro da Saúde, Humberto Costa, lançou no Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Rio, o Consenso Brasileiro de Mama, que tem entre seus objetivos detectar precocemente o câncer de mama. A doença é hoje a principal causa de morte por câncer entre as mulheres brasileiras. De acordo com o Inca, em 2003 foram registradas 9.335 mortes pela doença e 41.610 novos casos foram detectados.

O Consenso é um conjunto de regras e normas criadas por 70 especialistas de todo o país, que vai nortear a política nacional para o controle da doença.

Entre as novidades, está a não estimulação ao auto-exame, anteriormente preconizado como principal arma de prevenção. O ministro Humberto Costa explicou que "o auto-exame é indicado, mas como uma solução individual ele é ineficaz. É importante que a mulher possa fazer o seu auto-exame, mas uma vez por ano ela deve ser examinada por um profissional de saúde. Essas ações conjuntas realmente permitem que a gente previna mais e detecte mais precocemente este tipo de câncer”.

Com essa nova estratégia, o Ministério pretende reduzir em pelo menos 20% a taxa de mortalidade provocada pelo câncer de mama e ao mesmo tempo incrementar a cirurgia plástica restauradora de mama.

O ministro da Saúde também anunciou que a partir do próximo mês serão realizadas reuniões regionais para identificar aparelhos de exame de mamografia danificados e profissionais capacitados a operá-los. Segundo Humberto Costa, estes aparelhos estão mal distribuídos e boa parte atende somente parte do Sistema Único de Saúde (SUS). Caso seja necessário comprar novos aparelhos, o ministro garantiu que isso não será problema porque o ministério tem recursos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)