Cassilândia, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

Últimas Notícias

19/07/2006 07:54

Saúde: Depressão atinge mais quem trabalha com o público

Agência do Rádio

Além de afetar o índice de produtividade, a depressão no trabalhador também atrapalha a empresa e atinge todos os âmbitos sociais em que a pessoa convive. Os casos de depressão relacionada ao trabalho exigem tratamento conjunto com psicólogo e psiquiatra, mas nem sempre obriga a pessoa doente a se afastar das atividades. Segundo Marco Peres, que coordena a área de Saúde do Trabalhador, no Ministério da Saúde, a doença atinge principalmente quem precisa ficar em contato direto com a população, como professores e policiais. Mudanças nas formas de trabalho, como o uso de novos sistemas operacionais, também levam muitos trabalhadores a entrar em depressão.


"A atual conjuntura social que existe no país hoje, aqueles trabalhad ores, principalmente do setor público que têm um contato direto com a população, como trabalhadores da segurança pública, trabalhadores da área de saúde pública e da educação, esses vêm tendo um aumento significativo de distúrbios e sofrimento mental relacionados ao trabalho. Então, nós temos hoje no país um aumento expressivo de doenças mentais relacionadas ao trabalho, principalmente nos setores que vêm incorporando novas tecnologias como o setor financeiro. Hoje, os bancários estão sofrendo muita doença mental relacionada ao trabalho, além dos distúrbios ósseo-musculares, e também aqueles trabalhadores que convivem diretamente com a população que sofrem uma situação de violência extrema."


De Brasília, Leilane Alves

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 29 de Março de 2017
Terça, 28 de Março de 2017
21:41
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)