Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/06/2009 08:00

Sarney pede a Delcídio que devolva sobrinha a origem

Ivan Richard , Agência Brasil

Brasília - O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), pediu ontem (16) ao senador Delcídio Amaral (PT-MS) que devolva ao órgão de origem, o Ministério da Agricultura, a sobrinha de sua mulher, lotada em seu gabinete em Campo Grande. A informação é do senador Delcídio Amaral, que ponderou que a requisição da funcionária ocorreu dentro da legalidade.

Delcídio disse que Sarney fez o pedido para que ele requisitasse a sobrinha de sua esposa porque o marido dela havia sido transferido para a capital de Mato Grosso do Sul. “Ela é servidora de carreira do Ministério da Agricultura, o presidente Sarney solicitou a mim, como o marido dela foi transferido para Campo Grande, se ela poderia trabalhar no meu gabinete e eu, claro, aceitei, ainda mais sendo alguém de carreira”, explicou.

O senador ponderou que o pedido tratava-se de uma questão “corriqueira” e que “muitos senadores têm cessão de funcionários que vem de órgãos públicos”. Delcídio informou que a folha deponto da servidora cedida é enviada todo mês para o ministério por meio da presidência do Senado. “Conversei com o presidente Sarney e, até para que não haja nenhum tipo de dúvida, ela retorna ao órgão de origem, naturalmente”, disse o petista acrescentando que a servidora não é uma “paraquedista”.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)