Cassilândia, Quarta-feira, 22 de Maio de 2019

Últimas Notícias

31/12/2018 09:00

São Silvestre

Redação

São Silvestre nasceu em Roma e governou a Igreja de 314 a 335. Foi por essa época, e após a conversão de Constantino, que foi proclamado o Edito de Milão que concedeu plena liberdade de culto aos cristãos e encerrou a era de perseguição declarada à Igreja. Com o Edito de Milão, não apenas os cristãos puderam professar abertamente sua fé, como o próprio imperador tomou a iniciativa de construir as primeiras basílicas, a fim de que o povo se reunisse para celebrar a fé por ocasião das grandes solenidades. Esse, contudo, não foi um período totalmente tranqüilo para a Igreja, pois se por um lado Constantino abria as portas do mundo para a Igreja, por outro lado dificultava sua caminhada, na medida em que não renunciou ao título de “Pontífice Máximo”, e passou a atrelar os problemas eclesiais aos problemas do Estado. Durante o pontificado de São Silvestre aconteceram três concílios da maior importância. O primeiro em 314, em Ales, quando os bispos reunidos declararam que a validade dos sacramentos não dependia da fé ou da virtude dos ministros que os conferiam. O segundo, no mesmo ano, em Ancira, atual Ancara, onde os bispos do Oriente resolveram admitir à comunhão todos os pecadores arrependidos, por maiores que tivessem sido as suas culpas. O terceiro Concílio foi o de Nicéia, convocado por Constantino, realizado em 325. O Papa Silvestre, já avançado em idade não pôde comparecer e enviou para representá-lo, o bispo Ósio de Córdoba, acompanhado de dois sacerdotes. Nesse Concílio, o arianismo, heresia que negava a natureza divina de Jesus, foi condenado e foi proclamado que Jesus era verdadeiro homem e verdadeiro Deus. Foi durante o Papado de São Silvestre que Constantino autorizou a construção das basílicas de São Pedro, de São Paulo e de São João de Latrão, doando o Palácio Lateranense para morada dos Papas. São Silvestre morreu em 335 e foi um dos primeiros santos não mártires a serem cultuados pela Igreja.

Hoje, não apenas São Silvestre, mas todos os santos canonizados, mencionados ao longo deste ano e todos os santos anônimos que não tiveram seus nomes inscritos no Livro da Igreja, mas estão inscritos no coração de Deus, nos lembram que fomos criados para a santidade. Mas ser santo não depende de nós. Nós contribuímos com nosso ‘sim’, com nossa adesão ao projeto de Jesus, que é de vida plena para todos, mas só Deus pode nos tornar santos, já que ele é o Único Santo e Autor da Santidade.

VIANNA, Zélia (2005). Santidade Ontem e Hoje. Salvador: Paróquia de São Pedro

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 22 de Maio de 2019
09:21
Cassilândia
Terça, 21 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)