Cassilândia, Domingo, 19 de Maio de 2019

Últimas Notícias

26/02/2019 09:00

São Porfírio

Redação

São Porfírio nasceu em Tessalônica da Macedônia, no ano 353. Filho de uma família rica e nobre, seus pais lhe transmitiram uma sólida formação cristã. Aos 25 anos se retirou para o Egito onde, durante cinco anos, viveu uma vida de solidão e austeridade. Após uma visita aos lugares santos de Jerusalém, decidiu refugiar-se numa gruta próxima ao rio Jordão. O clima, a umidade e as chuvas lhe estragaram a saúde. Ele contraiu uma grave doença e viu-se obrigado a ir para Jerusalém em busca de tratamento. Aí se encontrou com um jovem muito piedoso de nome Marcos que se tornou seu amigo e fiel discípulo e que tempos depois escreveu sobre sua vida. Uma coisa, contudo, continuava afligindo São Porfírio: o fato de, ao sair de Tessalônica não ter distribuído com os pobres a grande herança deixada pelos pais. Encarregou, então, Marcos de ir àquela cidade a fim de vender todos os seus bens. Realizado o negócio, São Porfírio mandou distribuir todo o dinheiro adquirido com os pobres, nada guardando para si. Quando Marcos voltou, encontrou o amigo surpreendentemente recuperado da doença. Para garantir a própria sobrevivência, São Porfírio aprendeu o ofício de curtidor e ganhava a vida confeccionando sapatos, num curtume na cidade de Jerusalém. Após 40 anos nessa profissão, foi ordenado sacerdote pelo patriarca de Jerusalém e nomeado Bispo de Gaza. Como bispo, dedicou-se de modo particular à evangelização dos pagãos e à reforma dos costumes da época que não condiziam com a proposta do Orientes. São Porfírio era uma pessoa afável, generosa e paciente e exerceu grande influência política e religiosa em seu tempo. Ele faleceu no ano 420, consumido pelo peso do trabalho e em conseqüência das grandes penitências que fazia.

Para o mundo de hoje onde a maioria das pessoas se aflige, não por não haver partilhado seus bens, mas por não ter bens em quantidade para guardar, e onde muitos querem justificar sua avareza, dizendo que sua dádiva não vai resolver o problema da pobreza e da injustiça no mundo, São Porfírio nos convida a uma reflexão: podemos até não resolver o problema da fome, da miséria e da desigualdade na terra, mas podemos solucionar o problema de alguns. Podemos até não transformar radicalmente a face do planeta, mas podemos mudar alguma coisa ao nosso redor. Podemos até não fazer todo mundo feliz, mas com certeza podemos ser e fazer outros mais felizes, se abrirmos as mãos para dividir e partilhar.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 18 de Maio de 2019
09:00
Santo do Dia
Sexta, 17 de Maio de 2019
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)