Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/11/2009 20:00

São Paulo sofre nova derrota

Justiça Desportiva

Depois de muita confusão e informações equivocadas, agora o resultado é oficial: os jogadores Dagoberto, Jean e Borges, do São Paulo, não poderão enfrentar o Botafogo neste domingo, dia 22 de novembro, depois de terem o efeito suspensivo parcialmente aceito pelo auditor Francisco Müssnich. Primeiramente, a secretaria do tribunal informou à imprensa presente ao tribunal, no Rio de Janeiro, de que o efeito teria sido aceito para os três jogadores, mas, pouco mais de três horas depois, uma nova decisão foi divulgada.

Com base no artigo 53 parágrafo quarto da Lei Pelé, o efeito suspensivo começa valer a partir do segundo jogo de suspensão, como cumpriram a suspensão automática contra o Vitória, os três também não poderão enfrentar o Botafogo e estarão liberados somente para o duelo contra o Goiás, na rodada seguinte. O julgamento do recurso será julgado pelo Pleno do STJD na próxima quinta-feira, dia 26 de novembro.

Em seu recurso com o pedido de efeito suspensivo, o departamento jurídico do São Paulo entendeu que houve graves equívocos durante o julgamento dos auditores da Terceira Comissão Disciplinar. Em primeiro lugar, ressalta que nenhuma atenuante, como serviços prestados à Seleção Brasileira e primariedade, foram levados em conta no momento da dosimetria da pena.



Levantado como mais grave ainda foi o fato de que os auditores levaram em consideração para agravar a pena de Dagoberto o fato de que o atacante do São Paulo teria dado um sorriso após o lance de sua expulsão, como se fosse um deboche. O recurso alega que os auditores foram induzidos pelas falas dos comentaristas da emissora que transmitiu a partida.



Os advogados do clube paulista afirmam que a expressão de Dagoberto revelava apenas sua incredulidade com a expulsão direta de campo. O presidente da comissão, Mário Antônio Couto, afirmou durante a sessão que, se Dagoberto tivesse chorado, talvez até o absolvesse, mas como teria rido, aplicou-lhe quatro partidas de suspensão em seu voto.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)